Matheus Cunha: artilheiro do Pré-Olímpico e da Seleção Olímpica

Matheus Cunha: artilheiro do Pré-Olímpico e da Seleção Olímpica

Com os cinco gols marcados na Colômbia, Matheus Cunha soma 14 gols em 16 jogos disputados com a camisa da Seleção Olímpica

Brasil x Argentina pelo último jogo do Pré-olímpico da Colômbia. Matheus Cunha e Rogério Caboclo Brasil x Argentina pelo último jogo do Pré-olímpico da Colômbia. Matheus Cunha e Rogério Caboclo
Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

Com os dois gols marcados contra a Argentina, no último jogo do quadrangular final do Torneio Pré-Olímpico, o atacante Matheus Cunha chegou a artilharia da competição com cinco gols marcados. O jogador ultrapassou Alexis Mac Allister, camisa 10 dos hermanos, que marcou quatro gols. 

Cunha foi premiado ao fim da partida e recebeu o troféu das mãos do presidente da CBF, Rogério Caboclo. 

- Fico muito feliz em marcar gols pela Seleção Brasileira, mas o prêmio individual nunca é o mais importante. Importante é a conquista do grupo. Conseguimos o nosso objetivo que era classificar o Brasil para os Jogos Olímpicos - comentou Cunha. 

O Pré-Olímpico foi a segunda competição que Matheus termina como artilheiro vestindo a camisa da Seleção Brasileira. No Torneio Maurice Revello (Torneio de Toulon), em julho de 2019, o camisa 9 também foi o maior goleador, com quatro gols. Ao todo, no projeto olímpico, Matheus Cunha soma 14 gols em 16 jogos disputados. É quem mais fez gols sob o comando de André Jardine. 

O artilheiro agora pensa em dar sequência no seu trabalho no novo clube, o Hertha Berlin, da Alemanha. O seu desejo é seguir representando o Brasil: 

- A convocação será muito difícil, o Brasil tem grandes jogadores. Mas, se eu tiver convocado, vou brigar para ir aos jogos. A Seleção é meu objetivo principal. É um sonho de criança sendo realizado.

PATROCINADORES

Seleção Brasileira Nike Itaú VIVO Guaraná Antártica Mastercard GOL CIMED Semp TCL FIAT 3 Corações Techno GYM STAT Sports