Viola completa 50 anos nesta terça-feira, 1º de janeiro

Viola completa 50 anos nesta terça-feira, 1º de janeiro

Nascido em 1969, o atleta fez parte do elenco tetracampeão em 1994

Viola

Créditos: Arquivo CBF

A galeria de campeões da Seleção Brasileira tem um integrante comemorando aniversário nesta terça-feira. Nascido em 1960, o tetracampeão Paulo Sérgio Rosa, conhecido como Viola, completa anos neste 1º dia de janeiro. 

Revelado pelas categorias de base do Corinthians é o 16° artilheiro da história do clube com 105 gols em 283 jogos, e já iniciou sua passagem pelo alvinegro paulista de uma forma marcante. Em 1988, na final do Campeonato Paulista, entre Corinthians e Guarani, o então aspirante precisou jogar no lugar de Edmar. E aos cinco minutos do primeiro tempo da prorrogação, Viola fez o gol que deu o título ao Corinthians.

Após este início marcante como profissional, passou por uma má fase em sua carreira, chegando a ficar três meses, em 1989, sem ir as redes. A cobrança da torcida era muito grande que foi jogar no São José, depois no Olímpia. Em 1992, mais experiente, ele volta ao Corinthians para fazer história e levar gols e títulos. Conquistou, com o Corinthians, em 1995, os títulos do Campeonato Paulista e da Copa do Brasil. Disputou 143 jogos, marcou 49 gols e conquistou a torcida com o faro de artilheiro e as comemorações irreverentes. Sua exposição internacional e a boa fase no time alvinegro paulista levou-o a jogar no Valencia, da Espanha. 

Ao voltar para o Brasil, passou por grandes clubes do futebol brasileiro, como Palmeiras e Santos, e, então, o Vasco da Gama. Viola formou dupla de ataque com os dois grandes ídolos vascaínos, marcou 32 gols e conquistou a Copa Mercosul e o Campeonato Brasileiro de 2000.

Seguiu sendo transferido para demais clubes com a esperança de levar gols e títulos até 2016, onde encerrou sua carreira no Taboão da Serra. Em seus 30 anos atuando no futebol, Viola marcou 252 gols em 674 partidas. Pela Seleção Brasileira, foi convocado para participar da Seleção Brasileira que ganhou a Copa do Mundo de 1994 nos Estados Unidos. Chegou a jogar na final contra a Itália por alguns minutos da prorrogação.

A CBF parabeniza Viola e deseja muitos anos de vida! Valeu, campeão! 

 

Veja mais

PATROCINADORES

Seleção Brasileira