Leão da Copa, Vavá completaria 84 anos nesta segunda-feira

Leão da Copa, Vavá completaria 84 anos nesta segunda-feira

Atacante da Seleção Brasileira nas Copas de 1958 e 1962, craque está na galeria de maiores jogadores da história da Canarinho

Imprensa 1,Memórias 2,Fotos 3,Vavá 4

O dia 12 de novembro é especial para a Seleção Brasileira. A data marca o nascimento de Vavá, um dos maiores nomes da história da Canarinho. Conhecido como Leão pelo porte físico avantajado, Edvaldo Izídio Neto vestiu a Amarelinha pela primeira vez em 1952 e a defendeu por mais de dez anos. Ao todo, o pernambucano, que completaria 84 anos nesta segunda-feira (12), tem 23 partidas e 14 gols pelo Brasil.

Bicampeão mundial, 1958 e 1962, Vavá é, ao lado de Ademir de Menezes e Jairzinho, o terceiro maior artilheiro da história Seleção em Copas do Mundo, com nove gols. Neste quesito, ele está atrás apenas de Pelé e Ronaldo. No Mundial da Suécia, quando conquistamos a primeira estrela, o pernambucano começou na reserva, mas substituiu Mazzola ao longo da competição e marcou cinco gols na campanha. Quatro anos depois, no Chile, balançou as redes adversárias em quatro oportunidades e terminou como um dos artilheiros do bicampeonato. 

Além das duas Copas, Vavá também conquistou três vezes a Taça Oswaldo Cruz, em 1955, 1958 e 1962. Como jogador, ele defendeu as equipes de Sport-PE, Vasco-RJ, Atlético de Madrid-ESP, Palmeiras-SP, América-MÉX, San Diego Toros-EUA, e Portuguesa-SP. O Leão da Copa também atuou como treinador e integrou a comissão técnica da Seleção Brasileira na Copa do Mundo de 1982, ao lado de Telê Santana.

A CBF recorda com muita saudade os feitos de Vavá com a Amarelinha e o agradece pelos ótimos serviços prestados ao futebol brasileiro. 

PATROCINADORES

Seleção Brasileira NikeItaúVIVOGuaraná AntárticaMastercardGOLGrupo CIMEDSEMP TCLFIATUltrafarmaEnglish LiveTechnogymStatsports3 Corações