Campeão em 1958 e 1962, Zózimo completaria 86 anos nesta terça-feira

Campeão em 1958 e 1962, Zózimo completaria 86 anos nesta terça-feira

Nascido no dia 19 de junho de 1932, o bicampeão mundial, em 1958 e 1962, completaria 86 anos nesta terça-feira

Imprensa 1,Memórias 2,Fotos 3,Zózimo 4 Imprensa 1,Memórias 2,Fotos 3,Zózimo 4

Bicampeão mundial com a Seleção Brasileira em 1958 e 1962, Zózimo Alves Calazans, conhecido por seu primeiro nome, completaria 86 anos nesta terça-feira, 19 de junho. Com a camisa da Seleção somou 37 jogos: 26 vitórias, 6 empates, 5 derrotas, e apenas 1 gol marcado. Além das conquistas nas Copas da Suécia e do Chile, se sagrou campeão da Taça do Atlântico, em 1956, Taça Oswaldo Cruz, em 1955, 1956, 1958 e 1962, e da Taça Bernardo O`Higgins, em 1955. 

Zózimo atuou pela Seleção no mesmo período em que defendeu as cores do Bangu-RJ, clube que foi aos 16 anos de idade e defendeu por 14 anos. Foram 461 jogos e a marca de terceiro jogador que mais atuou pelo clube de Moça Bonita. Não chegou a conquistar nenhum título, contudo, ficou marcado na história do alvirrubro. Jogava de cabeça erguida como os grandes craques. A bola estava sempre aos seus pés, em seu controle. Ele sabia sempre o que estava fazendo, enquanto seus companheiros de time sabiam o recado de um simples olhar. 

Em 1966 saiu do Bangu e foi para a Esportiva de Guaratinguetá-SP. Após três meses, se transferiu para o Flamengo-RJ. Jogou na Gávea por um ano e em 1968, aos 36 anos, foi para o Sport Boys do Peru. Lá, se aposentou e retornou ao Brasil. No dia 13 de outubro de 1977, Zózimo Alves Calazans morreu em um desastre automobilístico aos 45 anos de idade.

PATROCINADORES

Seleção Brasileira Nike Itaú VIVO Guaraná Antártica Mastercard GOL CIMED Semp TCL FIAT 3 Corações Techno GYM STAT Sports