Depois de 14 anos, Brasil e Argentina voltam a se encontrar na final da CONMEBOL Copa América

Depois de 14 anos, Brasil e Argentina voltam a se encontrar na final da CONMEBOL Copa América

Maior rivalidade do futebol mundial ganhará novo capítulo no próximo sábado (10), no Maracanã

Brasil x Argentina - Copa América 2007 Brasil x Argentina - Copa América 2007
Créditos: Sergio Pinto / CBF

Depois de 14 anos, Brasil e Argentina voltarão a se enfrentar em uma final de CONMEBOL Copa América! No próximo sábado (10), no Maracanã, os dois maiores rivais do futebol sul-americano se encontram na grande decisão do torneio continental.

A última vez que os dois países estiveram frente a frente na decisão da Copa América foi na edição de 2007. Na Venezuela, o Brasil superou a Argentina por 3 a 0, com gols de Júlio Baptista, Ayala (contra) e Daniel Alves, para conquistar a sua oitava Copa América.

Duas das mais tradicionais equipes da história da Copa América, Brasil e Argentina somam 23 títulos (14 da Argentina e nove do Brasil) e 25 vice-campeonatos (14 da Argentina e 11 do Brasil). No entanto, muito por conta do formato original da competição, as duas seleções só se enfrentaram em três finais propriamente ditas de Copa América.

A primeira delas foi em 1937, quando Brasil e Argentina terminaram com a mesma campanha nos pontos corridos e precisaram fazer uma partida de desempate. Depois de um 0 a 0 no tempo regulamentar, os argentinos fizeram dois gols na prorrogação e levaram o título com uma vitória por 2 a 0.

O milagre de Lima


Após essa decisão, as duas seleções chegaram a ocupar os primeiros lugares do pódio, mas só voltaram a jogar uma final mesmo quase 70 anos depois. Foi em 2004, no Estádio Nacional de Lima, no Peru, que Brasil e Argentina fizeram uma das mais marcantes finais da história da Copa América.

A Argentina saiu na frente aos 21 minutos de jogo, com Delgado, e viu o Brasil empatar ainda nos acréscimos da primeira etapa. O relógio já marcava 42 do segundo tempo quando Delgado fez o gol que parecia dar o título aos argentinos. Eles só não contavam com a estrela e o talento de Adriano Imperador, que aproveitou sobra na área no último lance da partida para deixar tudo igual. Nos pênaltis, Júlio César brilhou e o Brasil garantiu o título com uma vitória por 4 a 2.

O triunfo em Maracaibo


Três anos depois, nova final de Copa América entre Brasil e Argentina. Desta vez, a decisão foi em Maracaibo, na Venezuela, e reuniu duas equipes em momentos bem diferentes. A Argentina havia vencido todos os seus seis jogos na competição, com um total de 16 gols marcados. O Brasil, por sua vez, tinha um time contestado por parte da torcida e precisou dos pênaltis para eliminar o Uruguai na semifinal.

Mas quando a bola rolou para a decisão, a Seleção Brasileira se impôs e construiu uma vitória categórica na Venezuela. Com gols de Júlio Baptista, Ayala (contra) e Daniel Alves, o Brasil aplicou um sonoro 3 a 0 sobre a argentina e levou para casa sua oitava Copa América.

Esta final será, portanto, a quarta entre Brasil e Argentina na história da Copa América. Quem será que leva o título? Qual história será contada dessa vez? Todos saberemos no próximo sábado (10), a partir das 21h, no Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro.

PATROCINADORES

Seleção Brasileira nike guarana antarctica vivo itau mastercard voe gol semp tcl free fire kwai grupo cimed fiat pague menos bitci cafe 3 corações techno gym stats ports kin analytics globus brasil