Pia planeja novos testes na Seleção Feminina no jogo com a França

Pia planeja novos testes na Seleção Feminina no jogo com a França

Brasil e França se enfrentam neste sábado (7), às 17h (Horário de Brasília). Será o reencontro entre as duas equipes após a Copa do Mundo 2019

Seleção Feminina Principal treina antes de jogo com a França 060320. Daiane, Letícia Santos e Ludmila Seleção Feminina Principal treina antes de jogo com a França 060320. Daiane, Letícia Santos e Ludmila
Créditos: A2M/CBF

Se tem um objetivo que Pia Sundhage já deixou claro nesta Data FIFA são as mudanças que pretende fazer na equipe. A técnica da Seleção Feminina quer usar o Torneio Internacional da França como oportunidade de testes na equipe. No duelo com a França, neste sábado (7), às 17h, no Stade du Hainaut, em Valenciennes, a estratégia da treinadora não será diferente. 

- Nós estamos pensando sobre o time de amanhã. Queremos dar oportunidades para as jogadoras atuarem 45 ou 90 minutos. Com certeza, iremos mudar muito a equipe. Temos três jogos para descobrir qual time irá para os Jogos Olímpicos. São três bons jogos e, por isso, teremos três escalações diferentes - declara.

Nesta sexta-feira (6), a Seleção Feminina realizou o último treino antes do encontro com a França. Pia comandou uma atividade tática de 11 x 11, e aproveitou para apontar os elementos que deseja da equipe na partida.

- Nós assistimos o jogo (França x Canadá), elas são fortes nas laterais e possuem boas jogadoras. Assim como ter um ataque rápido, nós precisamos também diminuir um pouco o ritmo do jogo. Para agora, eu acho que a nossa chave para vencermos e jogarmos bem é sermos capazes de controlar isso - destaca. 

 

Com nove jogos no comando, sendo seis vitórias e três empates, Pia destacou como a sequência de partidas dá confiança para a equipe. A treinadora enfatiza a mudança de postura do grupo com a boa sequência de resultados.

- Eu acredito em duas coisas, primeiramente, se você ganha ou não se perde o jogo, você ganha mais confiança. Assim é o futebol, essa é uma parte da verdade. A outra parte é que se nós acreditarmos que estamos no mesmo caminho, isso faz a diferença. Essas duas coisas juntas, espero que nos prepare bem para os Jogos Olímpicos. Teremos mais jogos vindo por aí e contra boas equipes, teremos boas respostas - finaliza.

No histórico de confrontos, Brasil e França já se enfrentaram nove vezes, com cinco empates e quatro vitórias das adversárias. O último duelo foi nas oitavas de final da Copa do Mundo FIFA 2019, quando a francesas eliminaram a Seleção Feminina, ao vencerem por 2 a 1. 

PATROCINADORES

Seleção Brasileira Nike Itaú VIVO Guaraná Antártica Mastercard GOL CIMED Semp TCL FIAT 3 Corações Techno GYM STAT Sports