Pia elogia postura do Brasil na goleada sobre o Canadá e destaca "interessante caminhada"

Pia elogia postura do Brasil na goleada sobre o Canadá e destaca "interessante caminhada"

Na estreia do Torneio Internacional da China, Seleção Feminina goleou o Canadá por 4 a 0. Guerreias do Brasil somam cinco jogos de invencibilidade

Seleção Feminina estreia no Torneio da China - Brasil x Canadá. Marta e Pia Sundhage

Créditos: Daniela Porcelli/CBF

Nesta quinta-feira (7), a técnica Pia Sundhage anotou mais uma vitória no comando da Seleção Feminina. Diante do Canadá, na estreia do Torneio Internacional da China, o Brasil goleou por 4 a 0, e assegurou o terceiro triunfo seguido.

Desde que Pia assumiu a Seleção Brasileira, a equipe soma quatro triunfos e um empate, mantendo uma importante invencibilidade. Ao final da partida, a treinadora elogiou a postura do time, principalmente na primeiro etapa, quando a equipe marcou os três primeiros gols, com Chú, Formiga e Bia Zaneratto, que voltou a balançar as redes no segundo tempo.

- Nós marcamos quatro gols, acho que foi muito bom para várias jogadoras. O Canadá é um time difícil, mas o jeito que nós atuamos tendo a posse de bola e encontrando os espaços, nos fez criar muitas chances de gol, principalmente no primeiro tempo. Eu estou muito feliz, foi muito bom! No segundo tempo, nós não começamos bem, porque elas colocaram muita pressão sobre nós, mas por outro lado, nós acabamos marcando outro gol com a Bia. Hoje eu estou feliz! - destaca Pia.

Pia elogia postura diante do Canadá e destaca bons testes antes de Tóquio 2020 Pia elogia postura diante do Canadá e destaca bons testes antes de Tóquio 2020
Créditos: Daniela Porcelli/CBF

Enfática sempre quando elogia a equipe, Pia destacou o poder ofensivo da equipe. Desde sua chegada, a Seleção já balançou as redes 14 vezes, uma média de 2,8 gols por partida. Para a treinadora, essa postura do Brasil faz com que a cada jogo jogo o elenco ganhe mais confiança.

- Vencer é contagioso! Se nós nos mantermos jogando bem e marcando gols, nós vamos ganhar cada vez mais confiança. Eu estou ficando confiante, porque esse é um time que marca muitos gols e nós temos muitas jogadoras boas. Agora, o que foi diferente em relação aos outros jogos, é que nós atuamos melhor no primeiro tempo. Nas outras partidas, acredito que nós jogamos melhor no segundo tempo. Eu acho que fomos bem, mas sempre podemos melhorar mais. Porém teremos alguns jogos antes das Olimpíadas, no próximo ano, mas por enquanto, tem sido uma caminhada muito interessante - ressalta.

 

Seguindo a postura que tem adotado em todas as convocações, Pia deu oportunidades para novas jogadoras. No segundo tempo, Tayla e Andressinha entraram e puderam ser observadas pela primeira vez pela treinadora.

- Eu acho que as substituições que fizemos no segundo tempo fizeram com que o time ficasse um pouco melhor, em relação ao início da segunda etapa. Posso dar um exemplo, tiramos Marta e Bia, e colocamos Raquel e Geyse, e eu gostei do que vi. A Tayla também entrou e foi bem. Temos algumas jogadoras muito técnicas, como Andressa Alves e Andressinha, são muitas opções e isso é algo que as treinadoras amam! - analisa.

Na final do Torneio Internacional da China, o Brasil irá enfrentar as anfitriãs da competição. A Seleção Chinesa venceu a Nova Zelândia por 2 a 0. A decisão será no domingo (10), às 8h35 (Horário de Brasília), em Chongqing, na China. 

PATROCINADORES

Seleção Brasileira