Em alta, Debinha avalia momento especial com a Seleção Brasileira

Em alta, Debinha avalia momento especial com a Seleção Brasileira

Com a técnica Pia, atacante participou de 7, das 8 convocações. Em jogos, atuou em todos os 13 disputados. Além disso, é a artilheira sob o comando da sueca, com 10 gols marcados.

Primeiro treino da Seleção Feminina em Viamão. Debinha Primeiro treino da Seleção Feminina em Viamão. Debinha
Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

Aos 29 anos, sendo 10 dedicados à Seleção Feminina, pode-se dizer que Debinha vive um dos momentos mais especiais com a camisa do Brasil. Durante a Copa do Mundo da França 2019, a atacante foi um dos destaques da equipe brasileira na competição. Com Pia Sundhage, a ascensão da jogadora do North Caroline Courage (EUA) aumentou, e os números sob o novo comando ajudam a comprovar a boa fase. 

Desde que Pia assumiu o comando da Seleção Brasileira, Debinha participou de 7, das 8 convocações. Em jogos, atuou em todos os 13 disputados, somando 865 minutos jogados. Além disso, é a artilheira da Era Pia, com 10 gols. E qual o motivo dessa boa fase? Para a atacante é simples: confiança!

"Primeiramente, fico muito feliz de estar sempre tendo a oportunidade de trabalhar com a Pia. Ela me passa muita confiança, e não só ela, mas como a comissão técnica e as meninas. Fico muito feliz e estar bem consigo mesma, ajuda também no rendimento em campo. Então, acho que a felicidade que estou trazendo tem me ajudado e tenho sido feliz nas finalizações. Estou confiante e espero dar continuidade nesse ano", conta.

Primeiro treino da Seleção Feminina em Viamão. Debinha Primeiro treino da Seleção Feminina em Viamão. Debinha
Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

A atacante também credita a boa fase com a mudança de postura tática da Seleção Brasileira. Segundo Debinha, a metodologia implementada por Pia, com um estilo de jogo de transições e velocidade, tem resultado em uma organização tática mais coesa da equipe.

"Acho que o mais mudou foi a organização tática, de ser uma equipe mais tática e jogar junto com o grupo. Antes éramos mais no um contra um e explorávamos mais jogadas individuais. Essa organização tática que a Pia trouxe pra gente não está favorecendo só o meu estilo de jogo, mas também do grupo todo", analisa. 

 

Desde 5 de janeiro, a atacante está concentrada com a Seleção Brasileira, em Viamão (RS), para um período de preparação.  As atividades que iniciam o ano de 2021, e vão até o dia 20 deste mês, fazem parte do ciclo de observações da comissão técnica de olho nos Jogos Olímpicos de Tóquio. 

"Esse início de pré-temporada com a Seleção está sendo muito importante. Todo ano a gente sempre se reuniu com a Seleção e a gente vê o quanto isso ajuda pra gente iniciar a temporada bem. Estar todo mundo junto nesse período também é muito importante, estamos trabalhando a parte tática e física, isso vai nos ajudar muito na preparação para chegar bem na Olimpíada e nos nossos clubes. Vamos dar continuidade pra voltar na próxima convocação ainda melhores", conclui. 

Treino da Seleção Brasileira Feminina Principal em Viamão 10/01/21. Debinha Treino da Seleção Brasileira Feminina Principal em Viamão 10/01/21. Debinha
Créditos: Laura Zago/CBF

PATROCINADORES

Seleção Brasileira NIKE GUARANÁ ANTÁRTICA VIVO ITAÚ MASTERCARD GOL CIMED SEMP TCL FIAT PAGUE MENOS 3 CORAÇÕES TECHNOGYM STAT SPORTS