Debinha lamenta derrota para a Dinamarca em primeiro teste antes da Copa América

Debinha lamenta derrota para a Dinamarca em primeiro teste antes da Copa América

Atacante marcou o gol do Brasil diante das dinamarquesas, mas não conseguiu evitar revés em Copenhague

Seleção Feminina Principal - Brasil x Dinamarca em Copenhage. Debinha Seleção Feminina Principal - Brasil x Dinamarca em Copenhage. Debinha
Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

O Brasil lutou muito, mas não conseguiu evitar a derrota por 2 a 1 para a Dinamarca, nesta sexta-feira (24), em Copenhague. Autora do gol da Seleção Feminina na partida, a atacante Debinha lamentou o resultado. Em entrevista após o jogo, a capitã elogiou as dinamarquesas e avaliou a atuação da Seleção.

"A gente sabia que ia ser difícil, a Dinamarca é uma seleção muito forte. O que a Pia nos falou, foi exatamente o que elas fizeram. Acho que faltou um pouco mais de atenção. A gente não jogou muito bem no primeiro tempo. No segundo tempo, voltou melhor. A Pia conversou com a gente e a gente estava mais 'encaixadinho", analisou Debinha, que lamentou as oportunidades perdidas pelo Brasil:

"Faltou o passe final. A gente criou bastante oportunidade acho que faltou a gente ter mais aquela vontade de querer ficar mais com a bola, de trabalhar um pouco mais a bola, não ser tão afobada na hora de chegar na finalização. Eu mesma tive algumas oportunidades, a gente criou bastante oportunidades".

O foco agora se volta para o próximo jogo da Seleção Feminina, contra a Suécia, na terça-feira (28). O amistoso será o último teste do Brasil antes da disputa da Copa América, na Colômbia, que dá vaga para a Copa do Mundo FIFA e para os Jogos Olímpicos de Paris 2024.

"Acho que o time foi bem. Claro que a gente tem que acertar algumas contas aí pro próximo jogo. Agora é focar no próximo jogo pra buscar a vitória".

PATROCINADORES

Sel Feminina Patrocinador - Notícias