Bia Zaneratto: a imperatriz da Seleção Feminina

Bia Zaneratto: a imperatriz da Seleção Feminina

Atacante disputou Sul-Americanos e Mundiais das categorias de base, Copa do Mundo e Jogos Olímpicos, pela Principal, e hoje estreia na Copa América

Bia Zaneratto é a artilheira da Seleção Brasileira Feminina na Copa América do Chile, com seis gols. Estilo matadora, que recebe a bola na área e faz gol, ou arranca do meio campo e ainda dribla a goleira. Mesmo com todos esses atributos, ainda é uma menina de 24 anos, que disputa a sua primeira classificatória à Copa do Mundo e aos Jogos Olímpicos.

– É uma emoção especial. Eu já disputei Sul-Americanos pelas categorias de base e foram muito importantes, pois nos classificavam para o Mundial, mas aqui é ainda maior, pois define o nosso calendário para os próximos quatro anos – avalia.

O começo, como a maioria, foi com os meninos na rua e em campeonatos locais. Aos 13 anos, foi para o time da Ferroviária de Araraquara, em São Paulo, onde morava com os pais. Em 2013, com 19 anos, foi convidada para jogar na Coreia do Sul, junto com sua amiga de anos Thaisinha.

– No início foi muito difícil, nova cultura, nova língua, a distância da família, do Heitor, que é meu irmão caçula. Mas aos poucos a gente foi se adaptando, a Thaisinha estava comigo o que me ajudou muito. E hoje estamos muito bem, já indo para a sexta temporada.

Conheça a história de Bia Zaneratto até chegar à Seleção, a disputa dos Jogos Olímpicos do Rio em casa, ao lado da família e a expectativa para a Copa América do Chile.

PATROCINADORES

Seleção Brasileira Mastercard GOL CIMED SEM TCL FIAT English Live Ultrafarma Technogym Statsports