Aline: "Eu encaro o treino como uma partida"

Aline: "Eu encaro o treino como uma partida"

Goleira de 1,62m conta que trabalha outras características como membros inferiores e salto para compensar a altura

Aline goleira Seleção Feminina

Créditos: Rafael Ribeiro / CBF

De olho na estreia do Brasil na Rio 2016, a goleira Aline vive um momento especial em sua carreira. Aos 27 anos, foi convocada para disputar o maior evento esportivo do mundo pela primeira vez, e a poucos dias do primeiro confronto, contra a seleção da China, quer corresponder ao desafio.

Apaixonada por futebol, e mais ainda, por ser goleira, a paulista de Aguaí se diz determinada nos treinamentos. Para ela, a experiência da preparação é uma prévia dos momentos de jogo, e estar em dia com o físico, técnico e tático são fundamentais.

– A gente cai o tempo todo, leva bolada, mas é o que a gente ama. Acho que é uma das melhores coisas que eu tenho: eu encaro o treino como se fosse uma partida. Acho que se eu der o meu melhor no treinamento, na hora que eu entrar em campo, independente da competição, eu vou estar tranquila, porque é só fazer o que eu faço todos os dias. Tem que se cobrar.

O estilo de jogo de Aline é de orientar muito desde a defesa até o ataque. Com 1,62m de altura, a goleira diz que sua estatura nunca foi problema nos clubes que passou, ela busca compensar nos saltos e na velocidade que tem.

– Nos Estados Unidos, a minha altura nunca foi um empecilho. Eles sempre olharam todas as outras partes do meu jogo. Eu sou rápida e salto muito bem. Principalmente no futebol feminino, o goleiro é muito mais do que altura. O posicionamento, a agilidade para chegar na bola e o salto. Então desde que eu fui para lá, eu treino muito essa parte, os membros inferiores, e o salto, para compensar minha altura, e eu não vejo problema – avaliou.

Aline é uma das estreantes em Jogos Olímpicos da equipe da Seleção Feminina. E, a cada "novidade olímpica" se encanta com a oportunidade de disputar o maior evento esportivo do mundo. A Vila Olímpica e a convivência com referências do esporte de todo o mundo fazem parte disso.

– É incrível saber que você está no mesmo local do que os melhores do mundo, não só na sua modalidade, mas nas outras também. É muito legal ver aquele bando de cores e ouvir milhões de línguas. Tem sido incrível – descreveu a goleira.

 

 

PATROCINADORES

Seleção Brasileira NikeItaúVIVOGuaraná AntárticaMastercardGOLGrupo CIMEDSEMP TCLFIATUltrafarmaEnglish LiveTechnogymStatsports3 Corações