Seleção Masculina Sub-20 dá passo importante rumo ao Torneio Sul-Americano 2023

Seleção Masculina Sub-20 dá passo importante rumo ao Torneio Sul-Americano 2023

Título do Torneio Internacional do Espírito Santo sobre Paraguai, Equador e Uruguai consolida início de trabalho de Ramon Menezes e comprova o bom desenvolvimento das gerações 03, 04 e 05 dentro da Seleção Brasileira

Ramon Menezes, treinador da Seleção Brasileira Sub-20 Ramon Menezes, treinador da Seleção Brasileira Sub-20
Créditos: Pedro Vale/CBF

A missão de Ramon Menezes na Seleção Masculina Sub-20 não é simples: recolocar o Brasil na Copa do Mundo FIFA da categoria. O caminho até a Indonésia, sede do próximo mundial, passa pela conquista de uma das quatro vagas por meio do Torneio Sul-Americano Conmebol, previsto para janeiro de 2023, ainda sem sede definida. 

A vitória maiúscula sobre o Uruguai por 7 a 0 e a consequente conquista do Torneio Internacional do Espírito Santo, no último dia 12, consolidaram o início do trabalho do novo treinador.

Organizado pela CBF com apoio da Federação de Futebol do Estado do Espírito Santo, o quadrangular permitiu ao Brasil enfrentar possíveis adversários do Sul-Americano e testar os jogadores em partidas oficiais. Além da goleada sobre os uruguaios, a Seleção Sub-20 ainda bateu o Paraguai por 5 a 2 e o Equador - atual campeão sul-americano - por 4 a 1

O técnico Ramon Menezes trabalhou por uma semana na Granja Comary, em Teresópolis, antes do desembarque em Vitória. De acordo com o treinador, o período no centro de treinamento deu "confiança para um bom desempenho no torneio". Ele estava certo.  

Com dez novos jogadores convocados, o Brasil seguiu evoluindo em relação aos primeiros amistosos em Salvador, no mês de março. Ramon atribuiu o crescimento da equipe ao empenho, comprometimento e a facilidade dos atletas em absorver os conteúdos táticos. O torcedor que esteve nas arquibancadas do estádio Kleber Andrade, em Cariacica, viu uma Seleção imponente, organizada, empolgante e ofensiva. O Brasil sofreu pouco durante os jogos, criou diversas chances e mostrou muito repertório. 

Brasil vence Uruguai por 7 a 0 e leva o título do Torneio Internacional Sub-20 do Espírito Santo em junho de 2022 Brasil vence Uruguai por 7 a 0 e leva o título do Torneio Internacional Sub-20 do Espírito Santo em junho de 2022
Créditos: Pedro Vale/CBF

Quando o atacante Marcos Leonardo foi expulso, no segundo tempo do jogo contra o Paraguai, logo na primeira rodada, a equipe defendeu-se bem e ainda conseguiu ampliar o placar.

Quando Caio foi substituído por Marcos Leonardo, que retornava ao time após suspensão, Ramon testou o camisa 9 ao lado de Matheus Nascimento, naquele momento o artilheiro e principal jogador da competição, com três gols. A dupla mostrou muito entrosamento e abriu possibilidades para o comandante brasileiro. Protagonizaram a linda jogada do terceiro gol contra o Uruguai e mostraram muita sintonia para trabalhar em prol do grupo, deixando para segundo plano a briga pela artilharia do torneio. 

Matheus Nascimento e Matheus Martins marcaram três gols cada. Marcos Leonardo marcou quatro. Nas duas convocações de Ramon, o atacante do Santos somou 11 gols e se apresenta como o principal jogador da geração, apoiado também pelo desempenho de destaque entre os profissionais do Santos, no Brasileirão Assaí 2022. 

Outro destaque brasileiro no torneio foi o meia-atacante Caio, do São Paulo. O jogador ganhou a titularidade durante o período de treinos na Granja Comary. Marcou um gol na estreia contra o Paraguai e mostrou muita consciência tática nos jogos. Infelizmente, o jogador sofreu grave lesão e vai desfalcar as próximas convocações. Assim como Caio, a dupla de zaga formada por Robert e Kaiky Fernandes e os dois "estrangeiros da convocação", o lateral direito Vinícius Tobias e o atacante Kayky, deixaram ótima impressão para o torcedor. Convocado pela primeira vez, o atacante Vitor Roque foi outro bom jogador a aproveitar a oportunidade no Espírito Santo. Ao lado de Arthur, do Fluminense, Roque é o outro nascido em 2005 entre os chamados para o quadrangular.

As convocações de Ramon Menezes comprovam a importância da continuidade dentro da Seleção Brasileira. O treinador, inclusive, na última coletiva de imprensa em Cariacica, ressaltou o trabalho do núcleo de observação da CBF, capitaneado por Ricardo Perlingeiro. Dos 23 convocados, 20 atletas já tinham vestido a Amarelinha nas categorias inferiores, sendo seis deles campeões Sul-Americanos Sub-15, além do lateral Patryck, campeão do mundo sub-17, em 2019. O grupo sub-20 que se prepara para o Sul-Americano 2023 é formado por muitos jogadores com experiência com a Amarelinha. Mais um ponto positivo para o técnico Ramon Menezes. 

A Seleção Sub-20 não participa da Copa do Mundo da categoria desde 2015. O desempenho nos últimos Torneios Sul-Americanos também não foram bons. Desde a última eliminação, em 2019, o objetivo é voltar a ser protagonista na competição onde o Brasil é o maior vencedor, com 11 títulos conquistados. O último, contudo, foi em 2011. Por causa da pandemia, a disputa não foi realizada em 2021. 

Com duas etapas de preparação, seis jogos realizados, seis vitórias, 30 gols marcados e 4 sofridos, a Seleção Sub-20 segue dando passos sólidos no caminho por uma virada de página nos desempenhos recentes no Sul-Americano Conmebol. 

Brasil venceu o Uruguai e garantiu o título do Torneio Internacional Sub-20 do Espírito Santo Brasil venceu o Uruguai e garantiu o título do Torneio Internacional Sub-20 do Espírito Santo
Créditos: Pedro Vale/CBF

PATROCINADORES

Seleção Brasileira