Com boa atuação, Sub-17 vence Uruguai por 5 a 2

Com boa atuação, Sub-17 vence Uruguai por 5 a 2

Segundo amistoso é marcado por muitos gols e bela atuação da Seleção Brasileira

20160908 Amistoso Sub17 Brasil x Uruguai

Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

O segundo e último amistoso da Seleção Brasileira Sub-17 contra o Uruguai foi marcado por muitos gols e uma bela atuação da equipe. Nesta manhã de quinta-feira (8) na Granja Comary, Vinícius, Vitinho, Lincoln, Leonardo Chu e Luan Pereira balançaram as redes no 5 a 2.

Com um futebol ofensivo e de muita pressão na saída de bola adversária, o Brasil se impôs a todo momento, mesmo quando ficou com um jogador a menos - o goleiro André Luiz foi expulso ao cortar um contra ataque como último homem.

Quem abriu o placar foi Vinícius, de pênalti. Brenner estava prestes a marcar quando foi derrubado na área. O camissa 11 cobrou com categoria e fez o primeiro.

O segundo gol foi uma pintura. O Brasil tinha a bola dominada pela direita quando o volante Victor Bobsin ouviu a orientação do técnico Guilherme Dalla Déa: "tira da pressão". Foi o que ele fez ao achar o outro meia, Caio Lopes, na intermediária. Ele carregou e abriu na linha de fundo com o atacante Paulinho. O cruzamento saiu na medida e a infiltração do camisa 10, Vitinho, terminou com rede balançando após cabeçada certeira.

Na segunda etapa, já com um jogador a menos, o Guilherme substituiu todos os jogadores, mas o time manteve o alto nível de concetração. Coube a Lincoln continuar a ampliar o placar. O Brasil havia sofrido um gol no finalzinho do primeiro tempo, mas o camisa 20 colocou dois de frente para a Seleção novamente.

O quarto gol brasileiro saiu dos pés de Leonardo Chu, que completou cruzamento da direita e estufou o barbante com um chute quase da pequena área. Foi ele também quem criou a jogada do quinto e último do Brasil. Ao ser lançado em profundidade, passou facilmente no um contra um e colocou na cabeça de Luan Pereira, que testou no cantinho da baliza uruguaia.

Antes do apito final, o Uruguai ainda marcou o seu segundo gol na partida. Um golaço, por sinal, em chute certeiro de fora da área.

Foram cinco dias de treinos da Granja Comary e dois amistosos contra o Uruguai para a Seleção Sub-17: 2 a 0 no primeiro e 5 a 2 no segundo. 

PATROCINADORES

Seleção Brasileira