Seleção Sub-17 goleia a Venezuela no Sul-Americano

Seleção Sub-17 goleia a Venezuela no Sul-Americano

Fechando a segunda rodada da fase final, Brasil vence por 4 a 0, chega a quatro pontos e assume vice-liderança

Seleção Brasileira comemora primeiro gol contra a Venezuela

Créditos: Gregório Fernandes/CBF

A Seleção Brasileira Sub-17 segue firme na luta pelo título do Sul-Americano. Pela segunda rodada do Hexagonal Final, o Brasil goleou a Venezuela, nesta sexta-feira (10), por 4 a 0, no Estádio El Teniente, em Rancagua, no Chile. Com a vitória, a equipe comandada por Carlos Amadeu chegou a quatro pontos e assumiu a vice-liderança da fase final. Os anfitriões lideram com seis. O próximo adversário brasileiro será o Equador, na segunda-feira (13), às 22h15, no mesmo local.

O Jogo

Após um começo equilibrado, o Brasil foi tomando conta da partida. A primeira chance de gol da Seleção Brasileira veio aos 23 minutos. Lincoln recebeu lançamento rasteiro e, na cara do goleiro, tentou o drible, mas Olses salvou a Venezuela com as pontas dos dedos. No minuto seguinte, a pressão aumentou, e o Brasil abriu o placar. Vinícius Jr invadiu a área, finalizou cruzado e viu a bola explodir na trave e na barriga do zagueiro Luna antes de entrar, 1 a 0. Aos 38 minutos, o camisa 11 teve a chance de ampliar ao receber lançamento de Lincoln. Frente a frente com o goleiro, Vinícius tentou encobrir, mas Olses espalmou para escanteio. Na cobrança de Alan, Lucas Halter subiu mais que a zaga adversária e fez 2 a 0.

Mesmo com a vantagem, a Seleção Brasileira voltou do intervalo dominando as ações. Logo aos cinco minutos, Paulinho invadiu a área, finalizou cruzado e por pouco não balançou as redes. Aos 14, Alan cobrou falta com perigo e obrigou o goleiro a espalmar para escanteio. Aos 21, Alan lançou Vinícius Jr em profundidade, que se livrou da marcação e cruzou para Lincoln pegar de primeira, mas o chute parou nas mãos do goleiro. Superior, o Brasil ampliou aos 37 minutos. Após chute de Yuri Alberto,  que entrou no segundo tempo, Vinícius Jr pegou o rebote e fez 3 a 0. Nos acréscimos, Yuri Alberto recebeu lançamento longo e tocou na saída do goleiro para fechar a goleada em 4 a 0.

Brasil: Gabriel Brazão, Wesley, Vitão, Lucas Halter e Weverson; Alan, Victor Bobsin (Patrick) e Marcos Antônio; Paulinho, Lincoln (Yuri Alberto) e Vinícius Jr. Técnico: Carlos Amadeu

 

PATROCINADORES

Seleção Brasileira NikeItaúVIVOGuaraná AntárticaMastercardGOLGrupo CIMEDSEMP TCLFIATUltrafarmaEnglish LiveTechnogymStatsports3 Corações