Seleção Feminina Sub-17 treina visando duelo com o México no Mundial

Seleção Feminina Sub-17 treina visando duelo com o México no Mundial

Treino desta quinta-feira (15) teve como prioridade ajustes na equipe para duelo contra o México, amanhã (16), pela segunda rodada do Grupo B no Mundial

Treino da Seleção Feminina Sub-17 no Mundial do Uruguai - Julia

Treino da Seleção Feminina Sub-17 no Mundial do Uruguai - Julia

Créditos: Marcos Paulo Rebelo/CBF

Treino da Seleção Feminina Sub-17 no Mundial do Uruguai

Treino da Seleção Feminina Sub-17 no Mundial do Uruguai

Créditos: Marcos Paulo Rebelo/CBF

Treino da Seleção Feminina Sub-17 no Mundial do Uruguai 0 Julia

Treino da Seleção Feminina Sub-17 no Mundial do Uruguai 0 Julia

Créditos: Marcos Paulo Rebelo/CBF

Treino da Seleção Feminina Sub-17 no Mundial do Uruguai

Treino da Seleção Feminina Sub-17 no Mundial do Uruguai

Créditos: Marcos Paulo Rebelo/CBF

Treino da Seleção Feminina Sub-17 no Mundial do Uruguai

Treino da Seleção Feminina Sub-17 no Mundial do Uruguai

Créditos: Marcos Paulo Rebelo/CBF

A manhã desta quinta-feira (15) da Seleção Feminina Sub-17 foi de treino visando ao confronto com o México, pela segunda rodada do Mundial Uruguai 2018.  O técnico Luizão, auxiliado por Débora Ventura, comandou um treino tático com ênfase na postura como as jogadoras devem se posicionar durante a partida desta sexta-feira (16). As brasileiras enfrentam a equipe mexicana às 17h local (18h de Brasília), no Estádio Domingo Burgueño Miguel, em Maldonado. Antes, Japão e África do Sul jogam, às 14h local (15h de Brasília), abrindo a rodada do Grupo B.

- Hoje no treino buscamos ajustes defensivos, porque cada equipe tem uma forma diferente de atacar, estratégias específicas. Então buscamos entender os pontos fortes delas e ajustar a nossa marcação no setor defensivo para a característica da equipe adversária potencializando a nossa forma de jogar - revela a auxiliar Débora Ventura.

Diante do Japão, o Brasil empatou em 0 a 0, em um jogo muito equilibrado. Para o duelo contra o México, a comissão técnica espera encontrar a mesma dificuldade, mas desta vez com os três pontos conquistados.

- Esperamos a vitória, que o nosso jogo na parte ofensiva ele aconteça melhor do que aconteceu contra o Japão e que nós consigamos colocar em prática tudo aquilo que a gente vem trabalhando e desenvolvendo ao longo desses dois anos - explica Débora Ventura

O Grupo B está equilibrado: todas as equipes estão com 1 ponto, após empatarem seus duelos sem gols. O Brasil é líder através do desempate por cartões amarelos - com nenhum contabilizado.

 

PATROCINADORES

Seleção Brasileira NikeItaúVIVOGuaraná AntárticaMastercardGOLGrupo CIMEDSEMP TCLFIATUltrafarmaEnglish LiveTechnogymStatsports3 Corações