Recorde de clubes representados na Seleção Sub-20 coroa consolidação das Competições Femininas

Recorde de clubes representados na Seleção Sub-20 coroa consolidação das Competições Femininas

Ao todo, Jonas Urias convocou atletas de 13 clubes brasileiros, que se destacaram nas competições profissionais e de base ao longo da temporada.

Jogo-treino da Seleção Feminina Sub-20 x Retrô Masculino Sub-13 Jogo-treino da Seleção Feminina Sub-20 x Retrô Masculino Sub-13
Créditos: Marlon Costa/CBF

A preparação da Seleção Feminina Sub-20 segue a todo vapor. Após marcar a primeira visita de uma Seleção de Base Feminina ao Nordeste do país, a convocação também bateu um recorde: maior número de clubes representados na categoria, com 13 ao todo. Dentro do grupo de 25 atletas convocadas pelo técnico Jonas Urias, Internacional, Ferroviária, Atlético-MG, Grêmio, São Paulo, Corinthians, Flamengo, Santos, Fluminense, América-MG, Vasco da Gama, Red Bull Bragantino e Botafogo estão representados.

O feito coroa o fortalecimento das Competições Femininas nos últimos anos. Na lista de convocadas, há jogadoras destaques dos torneios profissionais – Brasileiro A-1 e A-2 – e também dos campeonatos de base – Sub-18 e Sub-16. Com uma modalidade cada vez mais diversificada, as Seleções são afetadas positivamente, ao menos é o que garante Aline Pellegrino.

Em entrevista ao site da CBF, a Coordenadora de Competições Femininas da Entidade exaltou a marca da Seleção Sub-20 nesta janela e ressaltou que o grande número de clubes representados dentro da Canarinho é fruto do fomento realizado nos torneios, cada vez mais competitivos e consolidados. Satisfeita com o crescimento da modalidade, Aline ressaltou que o objetivo é alcançar ainda mais feitos com inovações e investimento no futebol feminino.

“Fico muito feliz quando vejo esses números, pois eles mostram a importância de a CBF ter mantido com muito afinco as competições femininas em 2020 e 2021, mesmo diante de um cenário tão complexo da pandemia no Brasil, principalmente nas competições de base. Acredito também que estamos em um momento de consolidação das competições femininas desde as mudanças de formato e o início das competições de base a partir do Legado da Copa em 2019, sendo assim, começamos a ver esses resultados na prática. Para 2022 teremos novas competições na categoria adulta e alguns ajustes pontuais para fortalecer ainda mais as competições de base. Tenho certeza que dessa forma vamos conseguir fomentar, massificar e desenvolver cada vez mais o futebol das mulheres no Brasil”, avaliou Aline.

Concentrada desde o dia 19 de julho no CT do Retrô, em Pernambuco, a Seleção Feminina Sub-20 prosseguirá com a preparação até o dia 2 de agosto. Ao longo do período, além dos treinos diários, a equipe realizará três jogos-treinos sob os olhares de toda a comissão técnica.

PATROCINADORES

Seleção Brasileira nike guarana antarctica vivo itau mastercard voe gol semp tcl free fire kwai grupo cimed fiat pague menos bitci cafe 3 corações techno gym stats ports kin analytics globus brasil