Conheça Leide Tamires: A primeira roupeira da Seleção Brasileira

Conheça Leide Tamires: A primeira roupeira da Seleção Brasileira

Dos jardins da Granja Comary à rouparia da Seleção, ela é a primeira mulher a ser roupeira na história da CBF

 

Ela é pioneira na Seleção Brasileira Feminina. Leide Tamires é a primeira mulher a ser roupeira da Confederação Brasileira de Futebol. Há quatro meses, ela aceitou o convite da gerente do departamento de Seleções da entidade, Claudia Schnabl, e do presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues, para cuidar dos materiais usados pelas jogadoras da equipe nacional. Nesta segunda-feira (6), ela estará em ação no confronto da equipe sub-17 diante do México, às 13h. O amistoso é o último dos três realizados pelo time comandado por Simone Jatobá na Costa Rica.

Leide começou sua trajetória trabalhando na jardinagem da Granja Comary, em Teresópolis. Após dois anos nos jardins, ela foi surpreendida com o convite da direção da CBF em maio no Dia das Mães.

Leide é a primeira roupeira da Seleção Brasileira Leide é a primeira roupeira da Seleção Brasileira
Créditos: Fabio Souza/CBF

A primeira oportunidade na nova posição veio há quatro meses, no jogo em que o Brasil venceu o Chile por 4 a 0, no Estádio Mané Garrincha, em Brasília. A partida marcou não apenas o início da trajetória da Seleção Feminina Principal rumo à Copa do Mundo, mas também o começo de uma nova história para Leide.

“Minha primeira viagem foi para Brasília. Na minha primeira oportunidade contra o Chile, eu estava tremendo, mas me senti segura porque tinha duas pessoas comigo, o Fábio e o Andrezinho, que são roupeiros também. Foi a minha primeira viagem de avião, fiquei nervosa, nunca tinha voado de avião, mas no geral foi tranquilo. Foi muito trabalhoso, mas no final deu tudo certo."

Ela está acompanhando a Seleção Feminina Sub-17 em amistosos na Costa Rica A roupeira ganhou a oportunidade há quatro meses
Créditos: Fabio Souza/CBF

Embora muitas vezes permaneça nos bastidores, seu papel é essencial para o sucesso da equipe. Ela não apenas garante que as jogadoras e a comissão técnica estejam vestidas adequadamente para cada partida, mas também é responsável por todo o material e equipamento da Seleção.

"Eu sou sempre a primeira a acordar, a última a dormir, sempre a primeira a chegar para preparar todas as roupas e, se for preciso, levar qualquer equipamento. Estamos sempre prontos, cuidando de todos os detalhes, dos pés à cabeça. Na rouparia, precisamos estar sempre um passo à frente para atender tanto as atletas quanto a comissão técnica."

Ela está acompanhando a Seleção Feminina Sub-17 em amistosos na Costa Rica Ela está acompanhando a Seleção Feminina Sub-17 em amistosos na Costa Rica
Créditos: Fabio Souza/CBF

Agora, Leide está acompanhando a Seleção Feminina Sub-17 em três amistosos na Costa Rica. A roupeira das Guerreiras do Brasil compartilhou as impressões sobre a nova fase de sua carreira.

"A experiência está sendo nova para mim. Estou aqui, na minha primeira viagem internacional. Pensei que não conseguiria chegar a aqui, mas estou aqui. Achei que seria muito difícil, mas está sendo muito prazeroso. Não vou dizer que é fácil, porque é uma profissão que demanda muito, mas estou conseguindo. Sinto que estou me saindo bem, senão não estaria aqui sozinha hoje."

PATROCINADORES

Seleção Brasileira Nike Guaraná Antartica Vivo Itaú Neoenergia Mastercard Gol Cimed Pague Menos TCL SEMP TechnoGym StatSports Kin Analytics Globus Italian Excellence