Seleção Brasileira de Futsal encerra ciclo de preparação na Granja Comary

Seleção Brasileira de Futsal encerra ciclo de preparação na Granja Comary

Delegação finalizou período de testes e exames no Centro de Treinamento da CBF e começa, a partir desta quinta-feira (12), trabalhos em quadra no Parque Olímpico do Rio de Janeiro.

Seleção Masculina de Futsal treina na academia da Granja Comary de olho no Mundial na Lituânia. Rocha, Leandro Lino e Arthur Seleção Masculina de Futsal treina na academia da Granja Comary de olho no Mundial na Lituânia. Rocha, Leandro Lino e Arthur
Créditos: Thais Magalhães/CBF

A Seleção Brasileira Masculina de Futsal encerrou o ciclo na Granja Comary, em Teresópolis (RJ), nesta quarta-feira (11). A delegação utilizou toda a estrutura do Centro de Excelência do Futebol Brasileiro e a hotelaria do CT da CBF para realização de avaliações e exames médicos, testes físicos e atividades psicológicas nos últimos três dias.

CBF TV: O último dia de trabalhos da Seleção Brasileira de Futsal na Granja Comary

 

O grupo segue para a capital do Rio de Janeiro esta tarde e inicia, na próxima quinta-feira (12), os trabalhos com bola em quadra no Parque Olímpico, na Arena Carioca. Técnico da Seleção Brasileira de Futsal, Marquinhos Xavier fez um balanço do período na Granja.

“Além da importância dentro da preparação inicial, que são as avaliações, tudo que a gente necessita fazer como protocolo pro Mundial, foi o olhar do futsal para fora. As pessoas do futsal estando aqui dentro puderam transmitir um outro olhar. É a casa do futebol, a gente foi muito bem acolhido por todos, tivemos uma receptividade maravilhosa. Atletas e comissão, todos muito felizes por estarem aqui, porque é um grande passo, a gente precisa dessa estrutura, a gente precisa evoluir dentro do futsal, e a gente conseguiu transmitir para as milhares de pessoas quem estão nos acompanhando um olhar do futsal para toda esta estrutura", comentou, antes de projetar a preparação para o Mundial:

"Isso é muito legal porque além do sonho da conquista do Mundial, a gente também desperta o sonho nas pessoas. Em trabalhar, acreditar no seu propósito, nos seus sonhos individuais, de chegar até uma Seleção Brasileira. Acho que aqui a gente consegue trazer não só a realidade de estrutura, mas também fomentar o sonho das pessoas e desfrutar de todo este espaço aqui, o que foi muito bacana, por esses últimos três dias”.

Segundo dia de academia da Seleção Masculina de Futsal na Granja Comary. Marquinhos Marquinhos Xavier aprovou a estrutura oferecida pela Granja Comary nesses três dias
Créditos: Thais Magalhães/CBF

A Seleção vai treinar no Parque Olímpico até o dia 25. O técnico Marquinhos Xavier não esconde a ansiedade do grupo pelo trabalho com bola.

“Vamos ter a estrutura do Parque Olímpico, que também é muito boa, e também os atletas, mesmo estando totalmente confortáveis aqui, eles querem estar na quadra, treinando. Então a gente está contente por ter aproveitado, desfrutado ao máximo desse período aqui, mas muito feliz também de poder iniciar de fato a nossa preparação técnica, dentro da quadra, onde a gente está habituado a trabalhar. Tenho convicção que essa experiência aqui somada a experiência que teremos no Rio vai agregar muito. A gente já tem um sentimento diferente do que a gente tinha anteriormente e esse sentimento vai aumentar ainda mais a nossa motivação, a nossa entrega, para que a gente possa buscar mais um título Mundial pra Seleção Brasileira de Futsal”, acrescentou.

No dia 28 de agosto, a delegação embarca para a Polônia para realizar quatro amistosos. O Brasil enfrenta os donos da casa duas vezes, nos dias 2 e 4 de setembro, e encara a Sérvia também em duas oportunidades, nos dias 6 e 8. No dia seguinte, a delegação segue para a Lituânia para a disputa da Copa do Mundo FIFA.

No Grupo D da competição, o Brasil estreia diante do Vietnã, no dia 13 de setembro, às 11h (de Brasília).

Seleção Masculina de Futsal treina na academia da Granja Comary de olho no Mundial na Lituânia. Rocha Seleção Brasileira de Futsal realizou atividades físicas e últimas avaliações antes de descer a serra
Créditos: Thais Magalhães/CBF

PATROCINADORES

Seleção Brasileira nike guarana antarctica vivo itau mastercard voe gol semp tcl free fire kwai grupo cimed fiat pague menos bitci cafe 3 corações techno gym stats ports kin analytics globus brasil