Goleiros artilheiros: Guitta e Roncaglio destacam bom desempenho e gols anotados para o Brasil

Goleiros artilheiros: Guitta e Roncaglio destacam bom desempenho e gols anotados para o Brasil

Arqueiros assinalaram um gol cada na goleada por 8 a 0 pela primeira rodada do Torneio Internacional da França de Futsal

Seleção Brasileira de Futsal estreou com goleada sobre a Eslovênia no Torneio da França Seleção Brasileira de Futsal estreou com goleada sobre a Eslovênia no Torneio da França
Créditos: Thais Magalhães/CBF

O Brasil goleou a Eslovênia por 8 a 0 em seu primeiro jogo no Torneio Internacional da França de Futsal. Dois dos oito gols da Seleção foram assinalados por goleiros. Guitta e Roncaglio – com um gol cada – marcaram no triunfo com autoridade sobre os eslovenos, nesta terça-feira (5), em Toulon (FRA).

Apesar do placar elástico no fim, a etapa inicial foi equilibrada e terminou em 1 a 0 para o Brasil. Um dos responsáveis pelo placar foi o goleiro Guitta, que operou belas defesas. Já no segundo tempo, a equipe deslanchou e conseguiu golear os eslovenos.

“Foi um jogo muito difícil no primeiro tempo. O adversário teve três ou quatro oportunidades e pude fazer as defesas. No segundo tempo, conseguimos imprimir o nosso ritmo e ainda sobrou um espaço para eu ir lá à frente fazer o gol. Fazia tempo que não marcava. Feliz pela vitória e pelo gol”, declarou o camisa 1 canarinho.

Seleção Brasileira de Futsal estreou com goleada sobre a Eslovênia no Torneio da França. Guitta Seleção Brasileira de Futsal estreou com goleada sobre a Eslovênia no Torneio da França. Guitta
Créditos: Thais Magalhães/CBF

Na etapa final, o técnico Marquinhos Xavier colocou Roncaglio em quadra e o goleiro também conseguiu balançar as redes.

“Entrei faltando oito minutos. Estava me preparando do lado de fora, o Marquinhos optou por me colocar e tive que estar bem concentrado pois eles conseguiram chutar umas bolas no gol também. No lance do gol, o arqueiro deles subiu, eu rebati para a frente, ele tentou me travar, consegui tirar para o lado e fazer por cobertura”, contou o camisa 2, antes de completar.

“Foi um belo gol e o primeiro a gente nunca esquece. Me emocionou bastante e fiquei muito feliz por poder ajudar não apenas defensivamente, mas também no ataque. Espero que essa fase continue, a gente possa continuar defendendo e se surgir uma brecha, fazer uns gols”, disse.

Seleção Brasileira de Futsal estreou com goleada sobre a Eslovênia no Torneio da França. Roncáglio Seleção Brasileira de Futsal estreou com goleada sobre a Eslovênia no Torneio da França. Roncáglio
Créditos: Thais Magalhães/CBF

Os defensores da meta brasileira também aproveitaram a oportunidade para elogiar e agradecer o trabalho realizado pelo preparador de goleiros da Seleção, Fred Antunes.

“Já conheço o Frederico há bastante tempo. É um excelente treinador, um dos melhores que eu tive. Sou grato a ele, pois quando viemos para cá, ele nos trata muito bem, os treinos são maravilhosos. Inclusive isso nos falta um pouquinho quando estamos na Europa, pois a cultura é diferente. Só agradecê-lo”, destacou Roncaglio, com as palavras reforçadas por Guitta.

“Um privilégio trabalhar com o Fred. A gente tenta desfrutar da experiência dele e sempre estar atento às colocações. Só temos a ganhar com a experiência e o trabalho que ele faz”, completou o camisa 1 brasileiro.

O próximo adversário do Brasil no Torneio da França será a dona da casa, na quarta-feira (5), em Toulon, pela segunda rodada do triangular.

PATROCINADORES

Seleção Brasileira