Com quatro gols, Ferrão avalia ato inicial do Brasil na Copa do Mundo FIFA de Futsal

Com quatro gols, Ferrão avalia ato inicial do Brasil na Copa do Mundo FIFA de Futsal

Pivô deu show em quadra na goleada brasileira por 9 a 1 sobre o Vietnã na estreia do Mundial da Lituânia

Brasil estreou na Copa do Mundo FIFA de Futsal contra o Vietnã, na Lituânia Brasil estreou na Copa do Mundo FIFA de Futsal contra o Vietnã, na Lituânia
Créditos: Thais Magalhães/CBF

Atual melhor jogador de futsal do mundo, Ferrão só faltou fazer chover na estreia do Brasil na Copa do Mundo FIFA de Futsal. O pivô da Seleção e do Barcelona pode até não ter feito cair água do céu, mas a chuva de gols foi garantida nesta segunda-feira (13) na Klaipeda Arena, Lituânia. O camisa 11 anotou quatro gols no triunfo brazuca por 9 a 1 sobre o Vietnã.

"Fico contente por fazer os gols. Mas a maior felicidade é sair com o dever cumprido. Hoje a gente conseguiu cumprir com o que o Marquinhos pediu. Eu fico muito feliz... a gente que é pivô, que vive do gol, é sempre importante fazer os gols. Mas a maior felicidade é a gente sair com os três pontos, saber que fizemos uma boa partida. Agora é pensar na República Tcheca", disse Ferrão, já projetando o segundo desafio do Brasil no Mundial.

Brasil estreou na Copa do Mundo FIFA de Futsal contra o Vietnã, na Lituânia Brasil estreou na Copa do Mundo FIFA de Futsal contra o Vietnã, na Lituânia
Créditos: Thais Magalhães/CBF

Ferrão aproveitou também para analisar o desempenho do Brasil na estreia da Copa do Mundo FIFA de Futsal. Para ele, o duelo frente aos vietnamitas foi super importante para, além da pontuação, trazer mais confiança ao grupo.

"Contente pela vitória. Contente com os três pontos. A gente sabe que é difícil estrear, principalmente em uma Copa do Mundo. Nosso grupo tinha muitos jogadores que nunca haviam jogado uma Copa do Mundo. Muita gente fazendo gol também para pegar um pouco mais de confiança. Agora é pensar em melhorar cada vez mais", finalizou.

A Seleção Brasileira de Futsal volta à quadra na quinta-feira (16), para encarar a República Tcheca, às 14h (de Brasília), novamente na Klaipeda Arena. O duelo acontecerá pela segunda rodada do Grupo D.

PATROCINADORES

Seleção Brasileira nike guarana antarctica vivo itau mastercard voe gol semp tcl free fire kwai grupo cimed fiat pague menos bitci cafe 3 corações techno gym stats ports kin analytics globus brasil