Fã da Copa de 2002, Garcia cita orgulho de defender a Seleção Sub-17

Fã da Copa de 2002, Garcia cita orgulho de defender a Seleção Sub-17

Lateral-direito da Seleção tem Cafu e Daniel Alves como ídolos e conta os dias para estreia na Copa do Mundo Sub-17

Seleção Masculina Sub-17: Coletiva Gustavo Garcia e Pedro Lucas na Granja Comary Seleção Masculina Sub-17: Coletiva Gustavo Garcia e Pedro Lucas na Granja Comary
Créditos: Thais Magalhães/CBF

O ano era 2002. Na Coreia do Sul e do Japão, o Brasil conquistava a sua quinta Copa do Mundo. Em algum canto de São Paulo, com apenas dois meses de vida, o jovem Gustavo Garcia provavelmente não entendia nada do que estava se passando. 17 anos se passaram e o paulistano, que era apenas um bebê, defenderá a Seleção Brasileira em uma Copa do Mundo.

Contando os dias para a estreia, o lateral do Palmeiras tem como sonho viver um momento eternizado pelo seu maior ídolo, Cafu: ser campeão mundial. Desde que, na própria Granja Comary, aprendeu mais sobre a Copa de 2002, ele não tira esse momento da cabeça.

- Na minha primeira convocação aqui na Granja, tivemos estudos sobre as Copas e eu fiquei com o grupo da Copa do Mundo de 2002. Comentamos bastante, falei sobre os principais jogadores, Cafu, Ronaldo, Rivaldo... A gente sonha em levantar um troféu desse tipo, ainda mais no nosso país - frisou o defensor.

Sua relação com a Amarelinha vem desde os tempos de torcedor. Como todo brasileiro, Garcia lembra dos momentos em que toda a família se reunia para torcer pela Seleção. Agora, os papéis se invertem e será ele em campo para representar o país. Um sentimento que mal cabe dentro dele mesmo.

- Desde criança, nosso maior sonho é vestir a camisa da Seleção. Hoje, poder realizar esse sonho, participar de uma Copa no Brasil, é uma felicidade enorme, que nos dá bastante orgulho. Não só para a gente, como para quem está ao nosso redor. Não tem nada melhor do que vestir essa camisa, essa Amarelinha. É um momento inexplicável para qualquer um - destacou.

A Seleção Brasileira estreia na Copa do Mundo Sub-17 no dia 26 de outubro, contra o Canadá, no Bezerrão, em Brasília. Garcia e os outros 20 jogadores do Brasil ainda enfrentarão Nova Zelândia  e Angola no Grupo A da competição, que será disputada no país pela primeira vez.

PATROCINADORES

Seleção Brasileira Nike Itaú VIVO Guaraná Antártica Mastercard GOL CIMED Semp TCL FIAT 3 Corações Techno GYM STAT Sports