Seleção Masculina Sub-17 goleia o Chile por 5 a 0 no Castelão, em São Luís

Amistosos da Seleção Brasileira Sub-17

Estádio Castelão, São Luís, Maranhão Terça, 01 de Novembro de 2022 19:30
Brasil

Brasil

Chile

Chile

No Maranhão

Seleção Masculina Sub-17 goleia o Chile por 5 a 0 no Castelão, em São Luís

Com gols de Pedrinho (2x), Da Mata (2x) e Jefinho, Brasil vence primeiro dos quatro amistosos preparatórios no Maranhão 

Seleção Masculina Sub-17 goleia o Chile por 5 a 0 no Estádio Castelão, em São Luís, no Maranhão Seleção Masculina Sub-17 goleia o Chile por 5 a 0 no Estádio Castelão, em São Luís, no Maranhão
Créditos: Rafael Ribeiro/CBF

A Seleção Masculina Sub-17 goleou o Chile por 5 a 0 no primeiro dos quatro amistosos preparatórios agendados em São Luís, no Maranhão. Com gols de Pedrinho (2x), Da Mata (2x) e Jefinho, o Brasil empolgou a torcida maranhense no Estádio Castelão, na noite desta terça-feira (1).  

O Brasil começou a impor o seu jogo ofensivo logo aos cinco minutos. A pressão sobre a bola rendeu escanteio. Na cobrança, Rodrigo Cezar cabeceou sozinho. Quase abriu o placar. 

 

Aos sete minutos, Rayan arriscou primeiro chute de fora da área. Bola passou por cima. Aos 8 minutos, após uma boa triangulação entre Pedrinho, Esquerdinha e Lucas Camilo, a bola fica com o camisa seis, que invadiu a área e chutou forte, mas bola foi para fora. 

Aos 15 minutos, Rodrigo recebeu linda bola de Pedrinho e chutou para defesa do goleiro chileno. A organização defensiva brasileira aliada a boa criação com a bola nos pés reverteu em gol. 

Aos 18, Rodrigo arrancou livre pela direita e cruzou rasteiro, com força. Pedrinho deu o carrinho entre a defesa e colocou a bola nas redes. 1 a 0 para o Brasil. 

A Seleção Sub-17 seguiu controlando as ações e impedindo qualquer ação ofensiva do Chile. O adversário conseguiu o primeiro chute ao gol brasileiro aos 30 minutos. Bola passou  ao lado esquerdo de Phillipe. 

No segundo tempo, o Brasil voltou com a mesma equipe e com a mesma vontade de aumentar o placar no Castelão. Aos 8, Pedrinho cobrou falta sofrida por Esquerdinha na entrada da área. Bola passou perto. 

O técnico Phelipe começou a mexer na equipe. Entraram Ricardo e Luiz Gustavo (Bahia) nos lugares de Rodrigo e Guilherme. 

Já no primeiro escanteio após as substituições, o Brasil ampliou o placar. Cruzamento perfeito de Esquerdinha, e cabeçada forte de Da Mata. Sem chances para o goleiro chileno. Jogador mais insinuante do Brasil, Pedrinho arrancou pela direita, driblou dois chilenos, foi para a linha de fundo e cruzou. O zagueiro chileno colocou para dentro do próprio gol. 3 a 0 para o Brasil. 

Leal fez mais duas mexidas para dar mais fôlego no meio campo e no ataque. Os gremistas Jefinho e Alysson entraram nos lugares de Rayan e Lucas Camilo. Em seguida, o zagueiro Da Mata pegou a sobra após vacilo da zaga no escanteio e marcou o quarto gol brasileiro, seu segundo na partida. 

Já na reta final do jogo, Bernardo Valim e João Souza substituíram Pedrinho e Matheus Ferreira. Já nos acréscimos, Jefinho acertou um chute colocado e marcou o quinto do Brasil. Goleada no Castelão e torcida empolgada com o time sub-17 brasileiro. 

O Brasil volta a campo na próxima quinta-feira (3) para reencontro com Chile às 19h30, no Estádio do Castelão. 

BRASIL: Phillipe Gabriel, Vitor Reis, Da Mata, Dalla Corte (c), Esquerdinha, Guilherme (Luiz Gustavo), Matheus Ferreira (Bernardo Valim), Lucas Camilo (Jefinho), Rayan (Alysson), Pedrinho (João Souza) e Rodrigo Cezar (Ricardo). Técnico: Phelipe Leal. 

CHILE: Claudio Chandia, Felipe Faundez, Iván Román, Benjamin Molina, Lucas Velázques, Francisco Marchant, Ignácio Vásquez, Bástian Escobar, Alejandro Hales e Diego Opazo. Técnico: Hernan Caputto. 

PATROCINADORES

Seleção Brasileira Nike Guaraná Antartica Vivo Itaú Neoenergia Mastercard Gol Cimed Pague Menos TCL SEMP TechnoGym StatSports Kin Analytics Globus Italian Excellence