Torneio Maurice Revello: Seleção Olímpica goleia a França por 4 a 0

Torneio Internacional de Toulon - 2019

Stade d'Honneur Marcel Roustan, Salon-de-Provence Quarta, 05 de Junho de 2019 14:30
Brasil

Brasil

França

França

Segunda rodada

Torneio Maurice Revello: Seleção Olímpica goleia a França por 4 a 0

Pela segunda rodada do Grupo B, o Brasil não deixou a França jogar e conquistou mais uma vitória por 4 a 0 no Torneio Maurice Revello

Mais uma goleada para conta da Seleção Olímpica no Torneio Maurice Revello! Nesta quarta-feira (5), o Brasil venceu a França por 4 a 0, pela segunda rodada da competição, e manteve a liderança do Grupo B, com seis pontos. No Stade D'Honneur Marcel Roustan, a Canarinho se impôs diante dos donos da casa e, com gols de Antony, Matheus Henrique, Matheus Cunha e Mateus Vital, garantiu mais uma vitória no torneio. A Seleção volta a campo no próximo sábado (8) para enfrentar o Catar, pela terceira e última rodada da primeira fase.

O jogo

O Brasil foi com tudo para o primeiro tempo e não deu espaços para a França. Com domínio da posse de bola e pressionando na defesa, a Seleção ditou o ritmo do jogo e assumiu a vantagem no marcador depois de uma bela trama no ataque. Na marca dos 19 minutos, Pedrinho avançou pela esquerda e tocou para o meio, Pedro fez o corta luz e Tabata achou Antony dentro da área. O camisa 7 teve calma, fintou o adversário e mandou no canto do goleiro para fazer 1 a 0. Do outro lado, os franceses assustaram em cabeçada perigosa de Guessand, aos 24. Nos instantes finais da primeira etapa, a Canarinho quase ampliou o placar após chute de fora da área de Emerson.

Na volta do intervalo, o cenário da partida continuou o mesmo: Seleção Brasileira no ataque e marcando forte. A pressão não demorou muito para surtir efeito. Aos 11, Matheus Henrique acertou um bonito chute colocado para aumentar a vantagem do Brasil: 2 a 0. O ímpeto verde e amarelo continuou e, aos 22, Pedrinho pegou uma sobra no meio de campo, saiu em velocidade, driblou o goleiro e mandou para o gol, mas, antes que a bola cruzasse a linha, Diakité apareceu para evitar o terceiro gol da Canarinho. Já aos 42 minutos, Matheus Cunha foi derrubado dentro da área e arbitragem assinalou pênalti para a Seleção. Com a bola na marca da cal, o próprio atacante foi para cobrança e bateu com segurança para fazer 3 a 0. Na sequência, Paulinho deu passe de calcanhar para Mateus Vital concluir com perfeição e dar números finais ao confronto: 4 a 0.

Brasil: Lucas Perri, Emerson, Lyanco, Murilo e Iago; Douglas Luiz, Matheus Henrique (Wendel) e Pedrinho (Mateus Vital); Antony, Tabata (Paulinho) e Pedro (Matheus Cunha). Técnico: André Jardine

Ivan
Lucão
Lucas Peri
Bruno Fuchs
Murilo Paim
Adryelson
Lyanco
Emerson Royal
Guga
Iago
Douglas Luiz
Bruno Tabata
Wendel
Matheus Vital
Lucas Fernandes
Matheus Henrique
Rogerinho
Pedrinho
Pedro
Matheus Cunha
Paulinho
Antony

PATROCINADORES

Seleção Brasileira