Realizado, Antony dedica título dos Jogos Olímpicos ao povo brasileiro: 'Eles merecem'

Realizado, Antony dedica título dos Jogos Olímpicos ao povo brasileiro: 'Eles merecem'

Titular em todos os seis jogos da campanha, atacante deu o passe para o gol de Malcom, que definiu a conquista da Olimpíada de Tóquio 2020

Seleção Olímpica enfrentou a Espanha no Estádio de Yokohama, na final da Olimpíada de Tóquio 2020. Antony Seleção Olímpica enfrentou a Espanha no Estádio de Yokohama, na final da Olimpíada de Tóquio 2020. Antony
Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

Enfim, chegou o momento tão esperado para Antony. Neste sábado (7), o atacante conquistou a medalha de ouro dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 com a Seleção Brasileira. Um sonho realizado e dedicado a tantas pessoas que vibraram junto com a Seleção durante a partida.

“A gente vem se preparando pra isso, sempre tivemos esse sonho e sabíamos da dificuldade que íamos enfrentar, mas hoje chegar aqui e jogar uma final contra a Espanha que é uma equipe muito qualificada é um sonho realizado. Agora, é ir pra casa e curtir a família, porque eles merecem e o povo brasileiro também”, dedicou.

A decisão dos Jogos Olímpicos se apresentava um desafio mesmo antes da bola rolar. Com um elenco talentoso e experiente, a Espanha travou um duelo duríssimo com o Brasil, mas acabou derrotada por 2 a 1, com gols de Matheus Cunha e Malcom. O último, por sinal, com passe de Antony. Com a medalha no peito, o atacante rasgou elogios ao adversário, mas destacou o mérito da Seleção Brasileira na conquista do ouro.

“Foi um jogo muito difícil, a equipe da Espanha tem muita qualidade, mas estou muito feliz de novo pela superação e garra desse time. Todos estão de parabéns e agora é curtir o momento porque a gente merece”, finalizou.

Além de uma conquista histórica, o título da Olimpíada veio em um palco sagrado para o futebol brasileiro: o Estádio de Yokohama, onde a Seleção venceu a Copa do Mundo FIFA de 2002. Depois do jogo, Antony confidenciou que o técnico André Jardine usou a final de 2002 como motivação para os jogadores.

“Sim, antes do jogo o Jardine até falou sobre isso e mostrou o Cafu levantando a taça. É um privilégio e uma honra ser campeão novamente aqui, porque esse grupo merece”.

PATROCINADORES

Seleção Brasileira nike guarana antarctica vivo itau mastercard voe gol bitci free fire kwai grupo cimed fiat pague menos semp tcl cafe 3 corações techno gym stats ports kin analytics globus brasil