Capitão da Seleção, Daniel Alves conquista o 40º título da carreira

Capitão da Seleção, Daniel Alves conquista o 40º título da carreira

Pela Seleção Brasileira, chegou ao seu quarto título. Anteriormente o lateral conquistou a Copa América de 2007, a Copa das Confederações de 2009 e de 2013

Brasil x Paraguai pelas quartas de final da Copa América. Daniel Alves

Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

O maior campeão da história do futebol conquistou uma taça pela 40ª vez. Com a vitória da Seleção Brasileira neste domingo, sobre o Peru, na final da Copa América, o lateral-direito Daniel Alves terá que abrir um espaço na sua extensa prateleira para mais uma taça. Com 36 anos, o "Good Crazy", como gosta de ser apelidado, está em sua 19ª temporada na carreira. Ou seja, em média, ele levantou uma taça mais de duas vezes por ano. Pela Seleção Brasileira, chegou ao seu quarto título. Anteriormente o lateral conquistou a Copa América de 2007, a Copa das Confederações de 2009 e de 2013. O último título, no Maracanã, estádio que voltou a reencontrar uma conquista neste domingo. 

– O encontro com o Maracanã sempre é especial. Aqui é a nossa casa e estávamos determinados que um jogo iríamos fazer aqui. Viemos passo a passo, acreditando no trabalho, apanhando muito, estava doendo, mas a gente sabia que tinha que dar a resposta. Parabéns a nossa comissão que trabalha muito pra isso, aos jogadores que lutaram todos os jogos, queria agradecer aos torcedores que conectaram com a gente para que a gente pudesse construir algo especial – ressaltou o lateral da Seleção

Em suas 40 conquistas, Daniel Alves atuou pelo menos uma vez pelo seu clube ou pela Seleção na campanha. O lateral poderia estar celebrando o seu 41º título se, no início da temporada anterior, não estivesse se recuperando da lesão no joelho que o tirou da Copa do Mundo de 2018, realizada na Rússia. Em agosto, quando o lateral-direito não pôde atuar, o Paris Saint Germain, seu ex-time, conquistou a Supercopa da França. 

– Eu falei antes que o capitão é o Tite, não sou eu. Eu só represento os jogadores. Eu vou ter a honra de poder levantar o troféu em homenagem aos nossos atletas que batalharam muito para esse objetivo. Agora é comemorar – concluiu o Daniel Alves. 

Enquanto o Good Crazy chegou ao seu quarto título com a amarelinha, Fagner, Eder Militão, Allan, Lucas Paquetá e David Neres chegam a sua primeira conquista pela Seleção. Nas categorias de base, Fagner conquistou o Sul-America Sub-20 de 2007, Allan a Copa do Mundo Sub-20 de 2011 e Lucas Paquetá o Torneio Quadrangular de Seleções Sub-20 de 2016, contudo, apenas conquistas profissionais foram contabilizadas, assim como o título do Mundial Sub-20 de Daniel Alves, por exemplo, não entrou no levantamento.

Confira abaixo o TOP 5 dos jogadores com o maior número de títulos na carreira: 

1 - Daniel Alves: 40 títulos
2 - Fernandinho: 33 títulos
3 - Marquinhos: 28 títulos
4 - Thiago Silva: 26 títulos
5 - Willian: 23 títulos

 

PATROCINADORES

Seleção Brasileira