Marquinhos: "Seleção Brasileira tem sempre que pensar alto"

Marquinhos: "Seleção Brasileira tem sempre que pensar alto"

Zagueiro afirma que primeiro objetivo é a classificação, mas que Brasil vai em busca do primeiro lugar do Grupo A da Copa América

Treino oficial da Seleção Brasileira na Arena Corinthians Treino oficial da Seleção Brasileira na Arena Corinthians
Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

Cria do Timão e profundo conhecedor da região da Arena Corinthians quando ali ainda era o local de treinamentos das categorias de base do clube, o zagueiro Marquinhos foi o escalado para conversar com os jornalistas nesta sexta-feira (21), dia em que a Seleção Brasileira treinou no palco que receberá Brasil e Peru no sábado (22).

Ciente de que a Seleção Brasileira ainda está em evolução na competição, ele afirmou que o primeiro objetivo da equipe é a classificação para as quartas de final da Copa América, mas que Brasil vai em busca do primeiro lugar do Grupo A. Para isso, precisa vencer o Peru no duelo deste sábado. Em caso de empate, ficará de olho no confronto entre Venezuela e Bolívia.

– É um jogo decisivo, importante. Nosso objetivo é a classificação, mas a gente tem que ir para esse jogo para tentar o primeiro lugar. Quando veste a camisa do Brasil tem que pensar alto. Vamos pensar no primeiro lugar, mas o primeiro objetivo é classificação. Tem que estar concentrado – disse Marquinhos.

Do outro lado, defendendo o adversário, estará Paolo Guerrero, atacante que conquistou o Mundial de Clubes pelo Corinthians e com Tite como técnico. Marquinhos conhece bem a qualidade do peruano.

– É um grande jogador, já o enfrentei. Tem grande movimentação, aguda. Temos que fazer o melhor, ele vai estar defendendo a seleção do Peru, eu o Brasil. Vai ser uma boa luta - comentou. 

Em 2016, quando conquistou a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos com a Seleção Brasileira, Marquinho passou pela Arena Corinthians no duelo das quartas de final, contra a Colômbia. Desta vez, apesar de ainda se tratar da primeira fase da competição, a partida contra o Peru, marcada para as 16 horas, também terá caráter decisivo. 

PATROCINADORES

Seleção Brasileira nike guarana antarctica vivo itau mastercard voe gol semp tcl free fire kwai grupo cimed fiat pague menos bitci cafe 3 corações techno gym stats ports kin analytics globus brasil