Santos estreia na Sul-Americana com empate diante do River Plate-URU

Santos estreia na Sul-Americana com empate diante do River Plate-URU

Em Montevidéu, Peixe fica no 0 a 0 com os uruguaios, nesta terça-feira (12), e decisão da vaga fica para o dia 26 de fevereiro, no Pacaembu, em São Paulo

Santos estreia na Sul-Americana com empate diante do River Plate-URU

Créditos: Ivan Storti/ Santos FC

O Santos estreou na Copa Sul-Americana 2019 com empate diante do River Plata-URU. Nesta terça-feira (12), o Peixe iniciou a caminhada na competição em Montevidéu e ficou no 0 a 0 com os uruguaios. Com a igualdade sem gols no estádio Luiz Franzini, a decisão da vaga ficou para o duelo de volta. As duas equipes voltam a se enfrentar no dia 26 de fevereiro, em São Paulo.

O primeiro confronto foi marcado pelo equilíbrio. Apesar de criar as melhor oportunidades de gol, o Santos parou nas boas defesas do goleiro Oliveira e não conseguiu balançar as redes. Após a expulsão de Orinho, na etapa final, o Alvinegro Praiano recuou e segurou o empate sem gols.

Acostumado a marcar gols, o Santos deixou o campo pela primeira vez na temporada sem balançar as redes do adversário. Ao analisar a produção do sistema ofensivo, o técnico Sampaoli minimizou a ausência de um camisa 9 de ofício e explicou a estratégia traçada para encarar o River Plate-URU.

— Partida merecia essa leitura (com Copete titular), ao meu critério, com um lateral e um extremo, e no decorrer do tempo sabendo que poderíamos chegar a acomodar laterais por dentro e extremos profundos. O plano foi esse. Sobre a falta de um centroavante, não preocupa. Criamos chances, estamos sempre com jogador de aptidão para o gol, independentemente da posição. Há que construir uma equipe que resolva a falta de características do que estão. Com protagonismo, potencializar as individualidades — afirmou o treinador do Santos, que ainda projetou o duelo de volta.

— Viemos para ganhar e não ganhamos, não é conveniente, queríamos ganhar. Mas reforço os jogadores e a a capacidade de se colocar em campo, sabendo do contra-ataque rápido que tem o River pelas costas. Vamos pensar na revanche, numa partida que será diferente — afirmou Sampaoli  durante entrevista coletiva.

Com o resultado do jogo de ida, o Santos precisará vencer os uruguaios no duelo de volta, no Pacaembu, para avançar de fase. Um novo empate sem gols leva a decisão para os pênaltis, enquanto o River joga pela vitória e igualdade com gols. 

+ Confira a tabela completa, aqui!