Palmeiras estreia na Argentina em busca da “obsessão” Libertadores

Palmeiras estreia na Argentina em busca da “obsessão” Libertadores

Recordista brasileiro em participações e tentando o bicampeonato, o Alviverde enfrenta o Tigre-ARG na estreia da edição de 2020 da competição continental

Campeão em 1999 e recordista brasileiro em participações, o Palmeiras estreia na Libertadores contra o Tigre-ARG e busca o segundo título da competição Campeão em 1999 e recordista brasileiro em participações, o Palmeiras estreia na Libertadores contra o Tigre-ARG e busca o segundo título da competição
Créditos: Daniel Vorley/AGIF

A torcida canta nas arquibancadas e os jogadores já sabem. No Palmeiras, reconquistar a Copa Libertadores é uma obsessão de todo alviverde desde 1999. Nesta quarta-feira (4), o clube paulista estreia em mais uma edição do torneio e vai novamente em busca do lugar mais alto do continente sul-americano. O time comandado pelo técnico Vanderlei Luxemburgo viajou até a Argentina, onde enfrentará o Tigre-ARG, às 19h15, no Estádio Monumental Victoria.

+ Saiba tudo sobre os brasileiros pelo mundo

Recordista em participações – empatado com Grêmio e São Paulo, cada um com 20 –, o Palmeiras entra em campo cercado de expectativa. Diferentemente das temporadas anteriores, o clube fez apenas contratações pontuais, priorizando manter o elenco da temporada passada, que terminou o Campeonato Brasileiro na terceira colocação, e a promoção de atletas das divisões de base. Os únicos jogadores que chegaram foram o atacante Rony, ex-Athletico Paranaense, e o lateral-esquerdo Matías Viña, ex-Nacional-URU.

O atacante Rony é uma das novidades do Palmeiras neste início de temporada O atacante Rony é uma das novidades do Palmeiras neste início de temporada
Créditos: Cesar Greco/Palmeiras

Às vésperas da partida, uma das peças-chave, o volante Bruno Henrique, concedeu entrevista coletiva já na Argentina e falou sobre onde o Verdão pode chegar na competição. Para o jogador, o Palmeiras tem que entrar no torneio com a mentalidade de buscar o título sempre.

– O Palmeiras sempre vai bater de frente com qualquer adversário. Quanto mais times de alto nível, melhor para a competição. O torcedor vai gostar de acompanhar. Há outros times na América que são muito fortes e grandes, vão dificultar, podem ser favoritos. Mas nem pensamos nisso, o caminho é longo, é difícil jogar a Libertadores. Vai aprendendo jogando, encorpando, estudando... É um torneio de tensão grande, mas estamos nos preparando para jogá-lo bem – afirmou Bruno Henrique, que vai completar 150 jogos com a camisa alviverde.

Além do Tigre, o Palmeiras ainda terá pela frente no Grupo B da Libertadores o Bolívar, da Bolívia, e o Guaraní, equipe do Paraguai. Confira a tabela completa da Copa Libertadores 2020.

Equipe comandada pelo técnico Vanderlei Luxemburgo manteve a base que terminou na terceira colocação do Campeonato Brasileiro de 2019 Equipe comandada pelo técnico Vanderlei Luxemburgo manteve a base que terminou na terceira colocação do Campeonato Brasileiro de 2019
Créditos: Cesar Greco/Palmeiras