Palmeiras encerra sua participação no Mundial de Clubes da FIFA 2020

Palmeiras encerra sua participação no Mundial de Clubes da FIFA 2020

Em jogo de bastante intensidade e poucas chances claras de gol, Verdão se despediu do Catar com um resultado negativo.

Nesta quinta-feira (11), Palmeiras e Al Ahly se enfrentaram na disputa do terceiro lugar do Mundial de Clubes da FIFA 2020 Nesta quinta-feira (11), Palmeiras e Al Ahly se enfrentaram na disputa do terceiro lugar do Mundial de Clubes da FIFA 2020
Créditos: Twitter/CONMEBOL Libertadores

O Palmeiras encerrou sua participação no Mundial de Clubes da FIFA 2020. Na tarde desta quinta-feira (11), o Verdão foi superado pelo Al Ahly, do Egito, nos pênaltis. Após empate em 0 a 0 no tempo regulamentar no Estádio da Cidade da Educação, em Doha, no Catar, os palestrinos não conseguiram se sobressair nas penalidades máximas. Com o revés, o clube paulista garantiu a premiação de R$ 10,7 milhões da entidade máxima do futebol mundial - referente ao quarto lugar do torneio.

Além do rival egípcio, o Palmeiras teve que superar uma atmosfera desfavorável – a maioria do público presente no Estádio da Cidade da Educação estava na torcida para o Al Ahly. Em jogo equilibrado no tempo regulamentar, o multicampeão africano foi mais preciso nas cobranças de pênaltis e ficou com o terceiro lugar no Mundial. Agora o clube paulista retorna ao Brasil para a disputa da reta final do Brasileirão Assaí 2020, assim como a decisão da Copa Continental do Brasil 2020.

O jogo

O primeiro tempo foi de bastante intensidade e movimentação, porém de poucas chances claras de gols para ambas equipes. A primeira oportunidade foi aos 25 minutos. Em saída equivocada, Felipe Melo perdeu o domínio da bola e deixou El Soleya cara a cara com o goleiro Weverton para finalizar. Para sorte do torcedor alviverde, o arremate do meio-campista saiu rente à trave e foi para fora.

Na marca dos 32 minutos veio a resposta do Verdão. Após rebote em cobrança de escanteio, Rony bateu firme da entrada da área e viu a bola passar perto do ângulo do gol egípcio. Já na marca dos 39, após cruzamento do lateral Viña, novamente Rony apareceu para cabecear e obrigar o goleiro do Al Ahly a se esticar e espalmar para escanteio. Entretanto, as chances criadas pelo ponta do Palmeiras não foram o suficiente para alterar o marcador antes do intervalo da partida.

Nesta quinta-feira (11), Palmeiras e Al Ahly se enfrentaram na disputa do terceiro lugar do Mundial de Clubes da FIFA 2020 Com outra boa atuação, Weverton não foi capaz de impedir a derrota alviverde no Catar
Créditos: Twitter/CONMEBOL Libertadores

Com outra postura, o Palmeiras voltou mais atento para a segunda etapa. Logo aos 5 minutos, Willian rolou para Rony que bateu cruzado, mas foi bloqueado antes que a bola pudesse chegar no gol adversário. Mas a equipe egípcia também não se entregava. Aos 21, inclusive, chegou a balançar as redes de Weverton, mas a jogada foi anulada pela posição de impedimento do atacante do Al Ahly.

Na marca dos 34 minutos, o Verdão, em ótima trama ofensiva, ofereceu perigo. A jogada coletiva terminou nos pés de Patrick de Paula, que arrematou firme, mas viu a bola sair pela linha de fundo. Esta seria a última oportunidade clara de gol da partida que, truncada nos minutos finais, terminou sem bola na rede.

Pênaltis

Sem a precisão e frieza necessária, o Palmeiras acabou superado nas penalidades máximas por 3 a 2. Nem mesmo a estrela de Weverton – que pegou um pênalti – foi capaz de impedir o revés oriundo da marca da cal. Do lado do Verdão, Gustavo Scarpa e Gustavo Gomes converteram suas cobranças, enquanto Rony, Luiz Adriano e Felipe Melo desperdiçaram suas chances.

Nesta quinta-feira (11), Palmeiras e Al Ahly se enfrentaram na disputa do terceiro lugar do Mundial de Clubes da FIFA 2020 Nesta quinta-feira (11), Palmeiras e Al Ahly se enfrentaram na disputa do terceiro lugar do Mundial de Clubes da FIFA 2020
Créditos: Twitter/CONMEBOL Libertadores