Liga dos Campeões 2019/20: fase de grupos pode ter até 69 brasileiros

Liga dos Campeões 2019/20: fase de grupos pode ter até 69 brasileiros

Com 69 brasileiros espalhados entre 27 times, sorteio realizado nesta quinta-feira definiu os grupos da atual temporada da Liga dos Campeões

Atualizada em 03/09/2019

Vinicius Jr comemora gol pelo Real Madrid Vinicius Junior vai para sua segunda Liga dos Campeões com a camisa do Real Madrid
Créditos: Divulgação/Real Madrid

Se tem futebol, tem que ter brasileiro. E na Liga dos Campeões não vai ser diferente. Competição de clubes mais importante da Europa, o torneio chega em sua fase de grupos com nada menos do que 69 brazucas à disposição para disputar a tão almejada "orelhuda". Dos 32 clubes participantes, 27 têm pelo menos um representante da "pátria de chuteiras". 

Detentor do título, o Liverpool-ING está no Grupo E e vai poder contar com os brasileiros Fabinho, Firmino e Alisson. O camisa 1 dos Reds foi, inclusive, eleito o melhor goleiro da Europa na temporada passada. Assim como o atual campeão, todos os outros cabeças de chave também possuem brazucas no elenco.

– Por chegarmos como os atuais campeões, acredito que entraremos com uma responsabilidade a mais. Só não podemos deixar que isso mude a nossa forma de jogar. Temos que manter o nosso estilo ofensivo. A camisa do Liverpool é uma das mais pesadas e respeitadas da Europa e temos que manter o nível pela história do clube. Mais uma vez, enfrentaremos na fase de grupos o Napoli, que tem tradição e um time de qualidade. Conheço pouco dos outros dois adversários, mas, com certeza, serão muito estudados e saberemos como enfrentá-los – analisou o atacante Roberto Firmino. 

Roberto Firmino é uma das esperanças de gols do Liverpool diante do Porto Firmino vai defender o título da Liga dos Campeões pelo Liverpool
Créditos: Twitter oficial do Liverpool

Na atual edição do torneio, a participação do futebol pentacampeão do mundo vai além das quatro linhas. Recém-contratado pelo Lyon-FRA, Sylvinho é o único técnico brasileiro que vai disputar a competição. O comandante terá ainda dentro de campo a companhia dos compatriotas Marcelo, Fernando Marçal, Rafael, Thiago Mendes e Jean Lucas. Convocado para a Seleção Olímpica, o ex-jogador de Flamengo e Santos também chegou ao clube para a temporada 2019/20 e sonha em estrear pela Liga dos Campeões. 

– Será a realização de um sonho jogar a Champions. Todo jogador um dia pensa em chegar à seleção brasileira e em jogar a principal competição de clubes do mundo. Comigo nunca foi diferente. E esses dois momentos chegaram de uma vez só pra mim, o que me deixa muito feliz e com uma vontade ainda maior de trabalhar e fazer as coisas darem certo. Dos nossos primeiros adversários, conheço um pouco mais o Benfica, mas pela sua história e tradição de sempre contar com jogadores brasileiros. Zenit e Leipzig também merecem todo respeito. Acho que teremos bons jogos, mas uma vaga tem que ser nossa – revelou Jean Lucas. 

Convocado para a Seleção Olímpica, Jean Lucas marcou pela primeira vez com a camisa do Lyon Jean Lucas sonha entrar em campo pela Liga dos Campeões
Créditos: Divulgação/Twitter Oficial Lyon

Maior vencedor da história do torneio europeu, com 13 títulos, o Real Madrid-ESP é mais um com elenco bem verde e amarelo. Além dos velhos conhecidos da torcida, Marcelo e Casemiro, os Merengues têm ainda outras três joias brazucas: Vinicius Junior, Rodrygo e Éder Militão. Única equipe a fazer frente com espanhóis e franceses é o Shakhtar-UCR, que tem ao todo dez brasileiros. 

Confira a lista completa dos 69 brasileiros que podem pintar na Liga dos Campeões:

Grupo A
Paris Saint-Germain-FRA: Thiago Silva, Marquinhos e Neymar
Real Madrid-ESP: Marcelo, Casemiro, Vinicius Junior, Rodrygo e Éder Militão
Club Brugge-BEL: não possui
Galatasaray-TUR: Mariano e Marcão

Grupo B
Bayern de Munique-ALE: Philippe Coutinho
Tottenham-ING: Lucas Moura
Olympiacos-GRE: Guilherme e Bruno Felipe
Estrela Vermelha-SER: Jander

Grupo C
Manchester City-ING: Gabriel Jesus, Ederson e Fernandinho
Shakhtar Donetsk-UCR: Ismaily, Dodo, Taison, Marcos Antônio, Dentinho, Tetê, Alan Patrick, Maycon, Marquinhos Cipriano e Fernando
Dínamo Zagreb-CRO: não possui
Atalanta-ITA: Rafael Tolói, Roger Ibañez e Guilherme Arana

Grupo D 
Juventus-ITA: Danilo, Alex Sandro e Douglas Costa
Atlético de Madrid-ESP: Felipe e Renan Lodi
Bayer Leverkusen-ALE: Wendell e Paulinho
Lokomotiv Moscou-RUS: Murilo Cerqueira

Grupo E
Liverpool-ING: Alisson, Fabinho e Firmino
Napoli-ITA: Allan
RB Salzburg-AUS: Carlos Miguel e André Ramalho
Genk-BEL: Neto Borges

Grupo F
Barcelona-ESP: Neto e Arthur
Borussia Dortmund-ALE: não possui
Inter de Milão-ITA: não possui
Slavia Praga-CZE: não possui

Grupo G
Zenit-RUS: Douglas Santos e Malcom
Benfica-POR: Jardel, Gabriel, Caio e Carlos Vinícius
Lyon-FRA: Marcelo, Fernando Marçal, Rafael, Thiago Mendes e Jean Lucas
RB Leipzig-ALE: Matheus Cunha e Luan Cândido

Grupo H
Chelsea-ING: Willian e Kenedy
Ajax-HOL: David Neres
Valencia-ESP: Gabriel Paulista
Lille-FRA: Léo Jardim, Gabriel Magalhães, Thiago Maia e Luiz Araújo