Libertadores: confrontos brasileiros das quartas começam nesta semana

Libertadores: confrontos brasileiros das quartas começam nesta semana

Com um lado da chave totalmente brasileiro, quartas de final da Libertadores terão Grêmio x Palmeiras e Flamengo x Internacional

Quartas de final Libertadores 2019

Créditos: Arte CBF/Imagens: Grêmio, Palmeiras, Flamengo, Internacional e Conmebol

Tem uma Copa do Brasil na Libertadores! Com um lado da chave 100% brasileiro, as quartas de final do torneio continental começam nesta semana e prometem esquentar a rivalidade entre tricolores, alviverdes, rubro-negros e colorados. Na terça-feira (20), Grêmio e Palmeiras começam a disputa por uma vaga nas semifinais, enquanto, na quarta-feira (21), é a vez de Flamengo e Internacional se enfrentarem no Maracanã.

Desde quando passou a adotar o sistema de mata-mata das oitavas à decisão, em 1989, essa é a quarta vez que quatro times brasileiros figuram entre os oito melhores. Mas a edição de 2019 vai entrar para história como a primeira em que todos estão do mesmo lado do chaveamento. Conclusão: o Brasil é o único que já tem um representante garantido na final da Libertadores.

Grêmio x Palmeiras

O começo da campanha tricolor no torneio foi difícil. No Grupo H durante a primeira fase, ao lado de Libertad-PAR, Universidad Católica-CHI e Rosario Central-ARG, o Grêmio só foi encontrar o caminho das vitórias na quarta rodada diante dos argentinos. A partir daí, a equipe comandada por Renato Gaúcho engatou uma sequência de cinco triunfos, incluindo os dois jogos das oitavas. No mata-mata, o Imortal fez valer a fama de copeiro vencendo o Libertad tanto dentro quanto fora de casa.

Contrastando com as dificuldades do Tricolor, o Palmeiras teve a melhor campanha da primeira fase e por isso vai decidir o confronto no Pacaembu. Pelo Grupo F, o Verdão enfrentou San Lorenzo-ARG, Melgar-PER e Junior Barranquilla-COL vencendo cinco dos seus seis jogos. Nas oitavas de final, a equipe paulista foi até a Argentina para encarar o Godoy Cruz e, depois de sair perdendo por 2 a 0, voltou para São Paulo com um importante 2 a 2 na bagagem. Jogando em casa, os comandados de Felipão não tomaram conhecimento dos argentinos, golearam por 4 a 0 e conquistaram a classificação sem muitos problemas.

Flamengo x Internacional

Foi suado. Foi no saldo de gols e na disputa por pênaltis, mas o Flamengo tem espantado um fantasma de cada vez nesta edição da Libertadores. Durante a primeira fase, o Grupo D, que tinha, além do Rubro-Negro, LDU-EQU, Peñarol-URU e San José-BOL, se desenhou como o mais equilibrado do torneio terminando com brasileiros, equatorianos e uruguaios empatados com 10 pontos. Por causa do saldo de gols, os cariocas avançaram às oitavas de final como líderes do grupo. No mata-mata, contra o Emelec-EQU, uma derrota por 2 a 0 no primeiro jogo deu contornos dramáticos para confronto no Maracanã. Mas, apoiado por mais de 65 mil torcedores, o Flamengo devolveu o resultado, carimbou a vaga nas penalidades e voltou às quartas de final, o que não acontecia desde 2010. 

Assim como Grêmio e Palmeiras, rubro-negros e colorados têm trajetórias bem diferentes. No mesmo grupo de River Plate-ARG, Palestino-CHI e Alianza Lima-PER, o Internacional passou pela primeira fase de maneira tranquila. Líder do Grupo A, os gaúchos avançaram para o mata-mata com quatros vitórias, dois empates e nenhuma derrota. Nas oitavas, o Inter encarou o Nacional-URU e com 100% de aproveitamento diante dos uruguaios manteve a invencibilidade dentro do torneio. 

Confira a tabela da Libertadores 2019!