Grêmio visita a U. Católica buscando se recuperar na Libertadores

Grêmio visita a U. Católica buscando se recuperar na Libertadores

Ainda sem vencer na Libertadores 2019, Tricolor encara os chilenos da Universidad Católica nesta quinta-feira (4), às 19h, em Santiago

Grêmio do técnico Renato Portaluppi vai em busca da primeira vitória na Libertadores 2019 Grêmio do técnico Renato Portaluppi vai em busca da primeira vitória na Libertadores 2019
Créditos: LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA

O Grêmio vai ao Chile com a missão de manter-se vivo na briga por uma vaga nas oitavas de final da Libertadores. Nesta quinta-feira (4), o Tricolor busca a todo custo trazer na bagagem de volta os três pontos do confronto diante da Universidad Católica, no Carlos de Apoquindo, em Santiago, às 19h (de Brasília). Ainda sem triunfar na competição, o Imortal está na lanterna do Grupo H, com um ponto.

Em solo chileno desde terça-feira (2), a equipe do técnico Renato Portaluppi fez os últimos ajustes para o duelo, válido pela terceira rodada da fase de grupos, no CT da Universidad de Chile. Em entrevista coletiva após o último treinamento, Kannemann destacou os pontos fortes do adversário.

— Eles têm um jogo bem rápido pelas pontas. Atacam muito por fora. O centroavante também é bastante rápido. Temos que ter cuidado com todo o time deles —disse o zagueiro, antes de ressaltar a importância do jogo:

— Sabemos que vai ser um jogo difícil. Mas independentemente da posição na tabela, nós sempre tentamos fazer o melhor. Sabemos que tem um rival forte pela frente, mas vamos tentar fazer o nosso trabalho.

Everton é uma das esperanças do ataque tricolor contra a Universidad Católica Everton é uma das esperanças do ataque tricolor no Chile
Créditos: Lucas Uebel/Grêmio

Também em coletiva na véspera da partida, o atacante Everton fez algumas ponderações e pregou cautela.

— O mais importante é a gente vir aqui para não perder. Temos mais outras decisões no restante da competição. Precisamos tomar bastante cuidado e não se atirar. Não tem só esse jogo pela frente — falou o atacante.

Mesmo na última colocação, o Grêmio pode assumir a vice-liderança da chave, que é justamente da Universidad Católica, caso supere o rival.  Confira a tabela completa da Libertadores da América!