Gatito pede inteligência ao Botafogo em jogo decisivo da Sul-Americana

Gatito pede inteligência ao Botafogo em jogo decisivo da Sul-Americana

Com uma vitória por 1 a 0 na bagagem, o Glorioso vai até a Argentina encarar o Defensa y Justicia de olho na próxima fase da Sul-Americana

Na Argentina, Botafogo busca vaga na segunda fase da Sul-Americana diante do Defensa y Justicia Na Argentina, Botafogo busca vaga na segunda fase da Sul-Americana diante do Defensa y Justicia
Créditos: Vitor Silva/Botafogo

Com uma vitória por 1 a 0 na bagagem, o Botafogo vai até a Argentina encarar o Defensa y Justicia pelo jogo de volta da primeira fase da Copa Sul-Americana. A bola rola para o duelo decisivo às 21h30 (de Brasília) desta quarta-feira (19), no Estádio Norberto Tomaghello.

O triunfo no Rio de Janeiro deu aos cariocas a vantagem do empate. No entanto, apesar do cenário favorável, o goleiro Gatito Fernández reconhece que é preciso ter sabedoria para sair de campo com a classificação. 

– Um gol fora de casa dá tranquilidade para a gente administrar melhor. Vamos buscar o jogo com inteligência, entramos com um resultado a favor. Temos que entrar sem pressa, sem acelerar o jogo, pra gente sair com a classificação. A gente nunca quer tomar gol. Se conseguirmos uma vantagem, também vai dar tranquilidade. Temos que administrar o jogo. Sabemos que será difícil, mas todo jogo é assim. Temos time para passar de fase. Acho que vai ser um confronto muito equilibrado – disse.

Compactuando com o discurso do jogador, o técnico Zé Ricardo garantiu uma equipe ofensiva, equilibrada e, acima de tudo, focada para buscar a vaga em solo rival. 

– Ficou evidente que teremos um adversário difícil pela frente. Uma equipe que vem fazendo um excelente campeonato argentino e não esperamos nada diferente disso lá. Estamos treinando bem e vamos para tentar nos impor. A vantagem que temos é pequena e se o Botafogo não buscar jogar, as dificuldades serão maiores. Com muito respeito ao adversário, mas teremos um Botafogo com muita vontade de avançar de fase. Na quarta-feira passada a gente não se lançou ao ataque de qualquer maneira por saber da qualidade deles. Tivemos uma pequena evolução e agora contamos com a concentração de todos os atletas, o que conta demais numa partida tensa. Precisamos ter os nervos no lugar para levarmos a classificação para o Brasil – concluiu.

Confira a tabela da Copa Sul-Americana 2019!

PATROCINADORES

Home