Brasileiros disputam final da Liga dos Campeões neste sábado

Brasileiros disputam final da Liga dos Campeões neste sábado

Com brasileiros em ação, Tottenham e Liverpool se enfrentam na grande final da Liga dos Campeões

De um lado, Alisson, Fabinho e Firmino. Do outro, Lucas Moura. De um lado, a pressão e a tradição de um clube detentor de cinco taças da Liga dos Campeões. Do outro, um time envolvido pela surpresa e pela desconfiança na briga por um título inédito. Histórias diferentes e um objetivo em comum: conquistar a Orelhuda. Neste sábado (1), Liverpool e Tottenham entram em campo para a disputa do maior torneio de clubes da Europa. A bola rola para a decisão da Champions League às 16h (de Brasília), no Wanda Metropolitano, em Madri.

O verde e amarelo dos Reds

Em sua primeira temporada nos Reds, Alisson tem sido fundamental para a campanha do time na Liga dos Campeões Em sua primeira temporada nos Reds, Alisson tem sido fundamental para a campanha do time na Liga dos Campeões
Créditos: Divulgação/Facebook Oficial Liverpool

Disputar uma final de Liga dos Campeões não é nenhuma novidade para o Liverpool, que já conquistou a competição cinco vezes. No ano passado, a equipe também brigou pelo título perdendo a decisão para o todo poderoso Real Madrid. Dos titulares daquele jogo só um não faz mais parte do elenco dos Reds: o goleiro Karius, marcado pelas falhas no duelo contra os merengues. Foi aí que Alisson apareceu.

O brazuca chegou ao clube como a solução dos problemas para a posição e de fato tem sido. Luva de ouro da Premier League, em sua primeira temporada na Inglaterra, o arqueiro foi fundamental na campanha do Liverpool até a final da Liga dos Campeões. Além de brilhar debaixo das traves, Alisson também é uma espécie de milagreiro da competição. Em três anos jogando no Velho Continente, esteve presente em duas viradas históricas. A primeira aconteceu quando ele ainda defendia a Roma na edição 2017/18. E a segunda, há bem pouco, nas semifinais dos Reds diante do Barcelona. 

+Relembre a participação do goleiro nas viradas de Roma e Liverpool. 

Firmino e Fabinho vão em busca do sexto título da Liga dos Campeões da história do Liverpool Firmino e Fabinho vão em busca do sexto título da Liga dos Campeões da história do Liverpool
Créditos: Divulgação/Facebook Oficial Liverpool

Indo de uma ponta a outra do campo, Roberto Firmino surge como um dos artilheiros do Liverpool na Liga dos Campeões. No clube desde 2015, o atacante sentiu na pele a derrota na decisão do ano passado e quer escrever um capítulo completamente novo na final de hoje. Fora do último jogo dos Reds por conta de uma lesão muscular, o jogador está recuperado e à disposição do técnico Jürgen Klopp. Até aqui, Firmino participou de 11 jogos, marcou quatro gols - sendo uma bola na rede a cada quatro chutes - e deu uma assistência. 

Fechando o trio brasileiro do Liverpool, Fabinho foi mais um reforço para a atual temporada que correspondeu à altura. A vaga no time titular não veio logo de cara, mas nada que um tempo de adaptação não resolvesse. Quando entrou na equipe não saiu mais, disputou dez dos 12 jogos dos Reds na Liga dos Campeões e também fez parte da virada histórica contra o Barcelona nas semifinais do torneio.

A brasilidade dos Spurs


Lucas Moura balançou as redes em goleada do Tottenham Lucas Moura balançou as redes em goleada do Tottenham
Créditos: Divulgação/Twitter-Tottenham

Não foi só o Liverpool que fez história nesta edição da Liga dos Campeões. O Tottenham também desafiou o impossível para chegar até a sua primeira final da competição. A classificação épica aconteceu nas semifinais contra o Ajax. E a vaga veio pelo pé esquerdo do brasileiro Lucas Moura. Em casa, os Spurs perderam o jogo de ida por 1 a 0. Na volta, os holandeses abriram 2 a 0 e o sonho da final ficou distante. Mas não para Lucas. Com um hat-trick, o atacante levou o Tottenham à decisão deste sábado.