Internacional e Flamengo duelam por vaga nas semis da Libertadores

Internacional e Flamengo duelam por vaga nas semis da Libertadores

Campeão por Inter e Flamengo, goleiro Clemer relembra títulos internacionais e comenta jogo decisivo desta quarta-feira

No Maracanã, triunfo rubro-negro por 2 a 0 sobre o Colorado

No Maracanã, triunfo rubro-negro por 2 a 0 sobre o Colorado

Créditos: Alexandre Vidal & Marcelo Cortes / Flamengo

No Maracanã, triunfo rubro-negro por 2 a 0 sobre o Colorado

No Maracanã, triunfo rubro-negro por 2 a 0 sobre o Colorado

Créditos: Alexandre Vidal & Marcelo Cortes / Flamengo

No Maracanã, triunfo rubro-negro por 2 a 0 sobre o Colorado

No Maracanã, triunfo rubro-negro por 2 a 0 sobre o Colorado

Créditos: Alexandre Vidal & Marcelo Cortes / Flamengo

No Maracanã, triunfo rubro-negro por 2 a 0 sobre o Colorado

No Maracanã, triunfo rubro-negro por 2 a 0 sobre o Colorado

Créditos: Alexandre Vidal & Marcelo Cortes / Flamengo

No Maracanã, triunfo rubro-negro por 2 a 0 sobre o Colorado

No Maracanã, triunfo rubro-negro por 2 a 0 sobre o Colorado

Créditos: Alexandre Vidal & Marcelo Cortes / Flamengo

No Maracanã, triunfo rubro-negro por 2 a 0 sobre o Colorado

No Maracanã, triunfo rubro-negro por 2 a 0 sobre o Colorado

Créditos: Alexandre Vidal & Marcelo Cortes / Flamengo

No Maracanã, triunfo rubro-negro por 2 a 0 sobre o Colorado

No Maracanã, triunfo rubro-negro por 2 a 0 sobre o Colorado

Créditos: Alexandre Vidal & Marcelo Cortes / Flamengo

No Maracanã, triunfo rubro-negro por 2 a 0 sobre o Colorado

No Maracanã, triunfo rubro-negro por 2 a 0 sobre o Colorado

Créditos: Alexandre Vidal & Marcelo Cortes / Flamengo

No Maracanã, triunfo rubro-negro por 2 a 0 sobre o Colorado

No Maracanã, triunfo rubro-negro por 2 a 0 sobre o Colorado

Créditos: Alexandre Vidal & Marcelo Cortes / Flamengo

No Maracanã, triunfo rubro-negro por 2 a 0 sobre o Colorado

No Maracanã, triunfo rubro-negro por 2 a 0 sobre o Colorado

Créditos: Alexandre Vidal & Marcelo Cortes / Flamengo

Internacional ou Flamengo. O sonho de reconquistar a América vai permanecer vivo no imaginário de apenas um dos dois. A quarta-feira (28) é de tudo ou nada para colorados e rubro-negros na Libertadores. No primeiro jogo das quartas de final, o Fla fez valer o mando de campo e conquistou uma vitória por 2 a 0 no Maracanã. Agora, no Beira-Rio, as equipes se enfrentaram pelo confronto de volta a partir das 21h30 (de Brasília). 

Enquanto cariocas e gaúchos tentam se manter na disputa por mais uma taça, um maranhense sabe bem o que é conquistar títulos internacionais vestindo a camisa desses dois gigantes do futebol brasileiro: Clemer. O ex-jogador defendeu o Flamengo na campanha vitoriosa da Mercosul de 1999 e foi campeão da Libertadores pelo Internacional, em 2006. E a palavra de ordem para alcançar o sucesso é "equilíbrio". 

– Eu ganhei títulos internacionais tanto pelo Flamengo quanto pelo Internacional e o ponto forte que nós tínhamos era o equilíbrio. Equilíbrio para entender o momento certo, o momento decisivo, o momento de sofrer, saber a hora de defender e saber a hora de atacar. Viver cada situação do jogo – revelou Clemer em entrevista exclusiva ao site da CBF. 

+Campeão por Inter e Fla, Clemer prevê "baita jogo" pela Libertadores

A força da torcida colorada

A missão do Inter é complicada, mas, assim como em 2006, o fator casa pode ser decisivo. Se o torcedor colorado tem motivos para acreditar na virada, a confiança vem justamente das arquibancadas. A dobradinha entre time e torcida, que funcionou tão bem há 13 anos atrás, é uma das armas do Internacional para o duelo desta quarta. 

– O fato mais importante em 2006 foi a sincronia que a gente tinha com a nossa torcida. O torcedor jogava com a gente e essa energia positiva era muito importante. Quando a gente tinha dificuldade dentro dos jogos, a torcida sentia aquilo e nos apoiava cada vez mais para que pudéssemos nos superar. E isso foi fundamental, nós tiramos força do torcedor. A torcida do Internacional sabe assimilar a situação e jogar junto com o time – lembrou o ex-goleiro colorado.

"Time Seleção Brasileira"

A Libertadores se tornou uma obsessão para o Flamengo, que chega a Porto Alegre com uma boa vantagem na bagagem. Os cariocas podem até perder por dois gols de diferença desde que balancem as redes, que ainda assim avançam às semifinais. Caso o Inter devolva o placar do jogo de ida, o duelo vai para as penalidades. Presente na última conquista internacional do clube, Clemer sabe exatamente qual a sensação de defender uma equipe do tamanho do Rubro-Negro. 

– Pressão no flamengo sempre vai existir. Eu digo que o Flamengo é o time Seleção Brasileira, que tem a maior torcida e também a maior pressão. Então todo atleta que consegue vestir a camisa rubro-negra sabe que é assim que as coisas são. A pressão não pode atrapalhar em momento algum nem o atleta, nem a equipe. Acho que todos os jogadores já estão bem conscientes disso. O Flamengo tem uma equipe tecnicamente muito boa, com um potencial muito grande. 

Quem avançar para as semifinais terá pela frente o Grêmio, que eliminou o Palmeiras na noite da última terça-feira (27). 

+Confira a tabela completa da Libertadores!
+Relembre a campanha de Inter e Flamengo até aqui!