Preferências

19/10/2017 às 22:37 | Assessoria CBF

Brasileiro Sub-20: as curiosidades dos finalistas

Créditos: Gustavo Aleixo/Cruzeiro E.C.

Nesta sexta-feira (20), eles tomarão o gramado do Couto Pereira às 16h30, em Curitiba (PR), em uma decisão que promete emoções de todos os tamanhos. Na finalíssima do Campeonato Brasileiro Sub-20, o show fica por conta da garotada do Coritiba e do Cruzeiro. Conheça um pouco mais sobre alguns dos principais protagonistas deste confronto que, além de valer um título inédito para ambos os clubes, tem tudo para estremecer as paredes do Alto da Glória.

Os Paredões – Arthur (Coritiba) e Vitor Eudes (Cruzeiro)

Sinônimos de segurança para as equipes finalistas, os goleiros Arthur, do Coxa, e Vitor Eudes, do Cruzeiro, são, apesar de adversários nesta sexta-feira, bastante parecidos. Em uma partida de videogame, ia ter briga: os dois arqueiros finalistas são fãs do PSG de Neymar quando o futebol é virtual. A preferência por super-heróis é a mesma: Arthur e Vitor gostariam de ser o "The Flash"! Por quê? Para facilitar o trabalho debaixo das traves. Enquanto o goleiro celeste prefere um gospel no vestiário, o alviverde é mais chegado em um pagode. A comida favorita para celebrar uma vitória também é unanimidade. O bom churrasco, com família e amigos, é a pedida dos dois paredões que se encaram na briga pelo título do Brasileiro Sub-20.

Os Xerifes – Thalisson Kelven (Coritiba) e Gustavo Rissi (Cruzeiro)

Pagodeiros natos, Gustavo Rissi, da Raposa, e Thalisson Kelven, do Coxa, são os pilares defensivos na finalíssima. Enquanto Thalisson é fã de Thiago Silva e se define como um zagueiro seguro e tranquilo, o defensor celeste admira mais o estilo guerreiro de Carles Puyol, ex-Barcelona e seleção espanhola. Quando a assunto é a cor da chuteira, não tem conversa com Rissi: é preta e branca. Já o zagueiro do Coxa escolhe a que ficar melhor nos pés. Adeptos de uma boa carne de churrasco, os dois xerifes da decisão prometem comemorar bastante com a família em uma churrascaria se levantarem o caneco nesta sexta-feira.

Os Motores – Júlio Rusch (Coritiba) e Vander (Cruzeiro)

Enquanto Vander, volante do Cruzeiro, gostaria de seguir pela Educação Física se não fosse jogador de futebol, Júlio Rusch, capitão do Coxa, seguiria carreira militar. Para o jogador alviverde, não pode faltar um bom pagode para embalar a concentração e o vestiário. Já Vander prefere tirar forças de um repertório de músicas evangélicas antes das partidas. Longe do futebol, o cruzeirense curte boas horas de sono ao som de gospel. Já Rusch prefere sair com a mulher e curtir com os amigos. A comida favorita da dupla de motores da grande decisão do Brasileiro Sub-20 não poderia ser diferente: aquele churrasco caprichado!

Os Cérebros – Matheus Bueno (Coritiba) e Thonny Anderson (Cruzeiro)

Articuladores dos finalistas na grande decisão desta sexta-feira (20), Matheus e Thonny, além de dividirem a posição e a camisa 10 de suas equipes, são adeptos de pagode antes dos jogos, viciados em videogame para matar as horas livres e fãs de Ronaldinho Gaúcho, a quem ambos apontam como o melhor de todos os tempos. Até na hora de definirem seus estilos de jogo, os meias são parecidos: Matheus se resume como técnico, enquanto Thonny se considera clássico. Para os cérebros da decisão no Couto Pereira, não existe outro jeito de comemorar um título que não seja a base de um bom e velho churrasco!

Os Matadores – Gustavo Mosquito (Coritiba) e Jonata (Cruzeiro)

De um lado Livepool, da Inglaterra. Do outro, o Real Madrid. Em campo, o duelo entre Philippe Coutinho e Cristiano Ronaldo. Nos controles, Gustavo Mosquito, atacante do Coritiba, e Jonata, centroavante da Raposa. Os artilheiros da finalíssima são como água e vinho: dois estilos bem diferentes. Mosquito prefere jogar de chuteiras coloridas. Já Jonata é mais discreto e curte mais os modelos em preto e branco. Para o atacante alviverde, seu jogo é de personalidade. O jogador celeste faz mais o estilo guerreiro. Um é fã de Neymar. O outro, do Gaúcho. Mas, na caixa de som e na mesa de jantar na hora da comemorar, a receita é a mesma: funk e churrasco são as pedidas ideais para os matadores da grande final do Brasileiro Sub-20!

Leia mais

Nossos patrocinadores