Decisivo, Diego Alves cita remontada pessoal e dedica título a Rogério Ceni: 'Ídolo eterno'

Decisivo, Diego Alves cita remontada pessoal e dedica título a Rogério Ceni: 'Ídolo eterno'

Com intervenções fundamentais durante o tempo regulamentar e três defesas nos pênaltis, o arqueiro do Rubro-Negro foi crucial para a conquista do título.

SuperCopa Kia 2021 - Flamengo x Palmeiras SuperCopa Kia 2021 - Flamengo x Palmeiras
Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

O Flamengo é o grande campeão da Supercopa Kia 2021! Em duelo de tirar o fôlego, o Rubro-Negro levou a melhor diante do Palmeiras nas penalidades máximas após empate em 2 a 2 no tempo regulamentar. Decisivo no decorrer da partida e também nas cobranças de pênaltis, Diego Alves foi um dos principais destaques da conquista do clube da Gávea. Emocionado, o goleiro relembrou momentos delicados de sua trajetória em 2020 e dedicou o título ao técnico Rogério Ceni.

Além das defesas no tempo regulamentar, Diego Alves defendeu três cobranças de pênaltis e se transformou em herói na marca da cal. Após o confronto, ainda no gramado do estádio Mané Garrincha, em Brasília, o arqueiro agradeceu a todos os funcionários do clube e exaltou a possibilidade de “retribuir o carinho” com a atuação decisiva.

“Olha, com toda humildade, sim (já tinha defendido tantos pênaltis). Em um torneio na Europa, eu defendi quatro. Mas, mais do que os pênaltis, essa conquista tem um significado para a gente, para mim especialmente. Passei um momento conturbado no ano passado, só tenho a agradecer as pessoas que ficaram do meu lado, que quiseram a minha permanência. Jogadores, comissão. Às vezes as pessoas veem a gente dentro do campo, mas não têm noção do que acontece nos bastidores. Era um desejo meu ficar aqui no Flamengo. Muita gente fez muito esforço para eu continuar. Então fico feliz em poder retribuir isso com esse título que esse grupo merece”, relembrou Diego, antes de homenagear Ceni, que se aproximava durante sua entrevista.

“Essa cara aqui (Rogério Ceni) também estava precisando. Sabe por que? Eu não sei como treinador. ‘Você já ganhou como treinador? ’. É a primeira decisão de pênaltis que ele ganha (risos). Ele é um ídolo eterno, merece muito. Estou muito feliz, obrigado minha esposa, minha família que me apoiou e agora é comemorar, temos que comemorar sim”, completou o goleiro rubro-negro.

Com o título, o Flamengo se sagrou bicampeão da competição. Na edição anterior, em 2020, o clube da Gávea, campeão brasileiro, derrotou o Athletico, então ganhador da Copa do Brasil, pelo placar de 3 a 0.

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro nike guarana antarctica vivo itau mastercard voe gol bitci free fire kwai grupo cimed fiat pague menos semp tcl cafe 3 corações techno gym stats ports kin analytics globus brasil