Supercopa Sub-20 2017: coletiva oficial da decisão

Supercopa Sub-20 2017: coletiva oficial da decisão

Nesta sexta-feira (17), a CBF organizou o evento para promover a Supercopa Sub-20 com a participação de Atlético-MG e Cruzeiro, finalistas da competição

Nesta sexta-feira (17), a Confederação Brasileira de Futebol e a Federação Mineira de Futebol organizaram, diretamente da Arena Independência, em Belo Horizonte (MG), uma coletiva de imprensa para destacar a Supercopa do Brasil Sub-20. Os finalistas Atlético-MG e Cruzeiro-MG foram representados por seus respectivos treinadores e capitães. Pelo lado atleticano, participaram Ricardo Resende e o zagueiro Nathan. Pelo clube celeste, estiveram presentes o técnico Emerson Ávila e o meia Thonny Anderson.

Um dos principais assuntos abordados na coletiva desta manhã foi a valorização do futebol de base por parte da CBF. Para Ricardo Resende, os campeonatos organizados pela Confederação são fundamentais para a formação dos atletas e para uma posterior projeção no cenário profissional.

–  O calendário do futebol brasileiro para a base melhorou bastante. Temos de parabenizar a CBF, que organiza grandes competições: a Copa do Brasil no primeiro semestre, o Brasileiro e agora a Supercopa. Tanto para os atletas quanto para nós, treinadores, é uma grande chance de ganhar visibilidade. Esses campeonatos dão oportunidade para que a torcida e a própria comissão técnica do profissional conheçam esses jogadores – destacou.

Emerson Ávila fez coro com o treinador atleticano e cumprimentou a CBF pelos esforços e investimentos. O comandante alvinegro destacou o empenho da Entidade pelo desenvolvimento do futuro do futebol brasileiro. 

– O calendário de base hoje está bem recheado de boas competições. Como o Ricardo, quero parabenizar a CBF pela organização da Copa do Brasil e do Brasileiro, que são torneios de altíssimo nível, bem próximo do ambiente que os atletas vão encontrar no profissional. Estar em um evento como esse de hoje já é uma vitória para o futebol brasileiro de base. Só temos a agradecer por tudo que está sendo feito em prol desses dois jogos ­– ressaltou.

Capitães também falaram

A decisão da primeira edição da Supercopa do Brasil Sub-20 coloca frente à frente uma das maiores rivalidades do país. O duelo entre Galo e Raposa é o primeiro clássico mineiro que vale um troféu a nível nacional dentro da categoria. Se não bastasse a disputa pelo caneco, o vencedor também leva a vaga para representar o Brasil na Libertadores Sub-20 no próximo ano.

– Jogar contra o Atlético tem sempre um gosto especial. E agora, valendo título e classificação para a Libertadores, com certeza teremos uma motivação a mais – destacou Thonny Anderson, o capitão celeste.

Para Nathan, o capitão e líder da equipe alvinegra, a importância do confronto já está clara dentro do vestiário da garotada do Galo.

– Sabemos da grandeza do jogo. É um clássico contra o nosso maior rival. Vamos fazer dois jogos equilibrados. Vamos encarar com naturalidade, sonhar alto e buscar o título – comentou.

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro Mastercard GOL CIMED SEM TCL FIAT English Live Ultrafarma Technogym Statsports