Supercopa Feminina: árbitra explicará decisão do VAR à torcida na Neo Química

Supercopa Feminina: árbitra explicará decisão do VAR à torcida na Neo Química

Os anúncios serão feitos pelo microfone que a árbitra já utiliza; objetivo é dar mais transparência ao trabalho da arbitragem

Corinthians é finalista da Supercopa Feminina 2024 Corinthians é finalista da Supercopa Feminina 2024
Créditos: Rodrigo Gazzanel/Corinthians

Os torcedores terão uma novidade neste domingo (18) na final da Supercopa Feminina 2024 na Neo Química Arena, em São Paulo. A árbitra Deborah Cecília Cruz Correia vai explicar as decisões revisadas pelo VAR ao público durante a decisão do torneio entre Corinthians e Cruzeiro, partida que começará às 10h30.

Os anúncios serão feitos pelo microfone que os árbitros já usam. A Comissão de Arbitragem da CBF recebeu a aprovação da FIFA para implementar a medida. A comunicação da decisão foi testada recentemente nos Mundiais de Clubes da FIFA. 

O plano da Comissão é adotar a comunicação da decisão em jogos da Série A do Campeonato Brasileiro e na Copa do Brasil.

O presidente da Comissão de Arbitragem da CBF, Wilson Seneme, explicou como o processo será feito pelos árbitros e disse que as mensagens devem ser claras e objetivas.

"São palavras simples, sem muita complicação, é a decisão final. Ele (ou ela) vai explicar o motivo e qual a decisão tomada", afirmou.

Seneme enfatizou que a iniciativa é mais um exemplo de transparência que a CBF oferece ao futebol brasileiro e seus torcedores.

"É um passo adiante, dá mais transparência. Quem está no campo precisa saber. É um respeito para quem está nas arquibancadas e para quem está assistindo pela televisão. É esclarecedor e dá mais credibilidade para a figura do árbitro. O uso dessa ferramenta humaniza a figura do árbitro, pois dá a ele o poder de explicar sua decisão final.”

A equipe de arbitragem da decisão da Supercopa Feminina será formada pela árbitra Deborah Cecília Cruz Correia, pelas assistentes Barbara Roberta da Costa Loiola e Maira Mastella Moreira; pela quarta árbitra Adeli Mara Monteiro, além de Juliana Vicentin Esteves como quinta árbitra e de Regildenia de Holanda Moura como inspetora. Na cabine do VAR, o árbitro de vídeo será Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro, acompanhado da assistente Andrea Izaura Maffra Marcelino. Péricles Bassols será o observador de VAR.

 

 


Veja mais

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro Nike Guaraná Antartica Vivo Itaú Neoenergia Mastercard Gol Cimed Pague Menos TCL Semo Technogym Core Laser Mectronic Kin Analytics