Ceará e Náutico abrem as quartas de final da Copa do Nordeste

Ceará e Náutico abrem as quartas de final da Copa do Nordeste

Vozão vai atrás do bicampeonato da Copa do Nordeste e o Timbu chega pela primeira vez nas quartas desde 2013. Ainda hoje, Santa Cruz e CRB também se enfrentam

Ceará x Santa Cruz - sétima rodada Copa do Nordeste 2019

Créditos: Mauro Jefferson/cearasc.com

Agora é tudo ou nada na Copa do Nordeste! Neste sábado (6) começa a fase de mata-mata do Nordestão, com dois jogos abrindo as quartas de final do torneio. A bola começa a rolar às 18h30, na Arena Castelão, para Ceará x Náutico. Um pouco depois, às 20h, o Santa Cruz recebe o CRB no Arruda. Nessa fase, os jogos são disputados em partida única e, em caso de empate, a decisão irá para os pênaltis. Os mandantes dos confrontos foram definidos de acordo com a campanha na fase de grupos. 

Ceará em busca do bicampeonato e Náutico pela primeira vez nas quartas

Desde que a Copa do Nordeste passou a acontecer de forma regular, em 2013, nenhum time conseguiu ser campeão duas vezes. Foram seis ganhadores diferentes em seis edições. Uma das equipes que vai em busca do bicampeonato é o Ceará. O Vozão levantou a taça em 2015 , quando superou o Bahia na final. Antes disso, em 2014, já havia batido na trave com o vice-campeonato diante do Sport. 

Na atual edição do Nordestão, o Ceará foi o dono da melhor campanha na primeira fase, conquistando 18 pontos em oito jogos. Foram cinco vitória e três empates, passando de forma invicta. Além disso, os comandados de Lisca detém o melhor ataque da competição com 15 gols marcados. O técnico cearense comentou sobre a dificuldade que espera para a partida, principalmente por conta da mudança no regulamento.

– O regulamento mudou e precisamos nos adequar a ele. É um jogo único e poderá ser decidido nos detalhes. Nós precisamos montar uma estratégia equilibrada para a alncaçar o objetivo principal. Não adianta você se expor muito e jogar a partida de qualquer maneira. É o tipo de confronto que não se pode dar abertura ao adversário - avaliou Lisca.

Do outro lado, o Náutico chega pela primeira vez nas quartas de final da Copa do Nordeste desde 2013. Antes disso, quando a competição regional ainda não era disputada de forma regular, o Timbu chegou na fase semifinal em 2001 e 2002. O treinador Márcio Goiano reiterou o objetivo do clube de repetir suas melhores participações e projetou um confronto difícil contra o Ceará.  

– É um jogo pra nós muito importante, estamos preparados, sabemos de toda dificuldade que vamos encontrar. O cenário, o torcedor é vibrante, a equipe do Ceará tem um treinador que todos nós conhecemos que é muito motivador. Vai ter uma equipe competitiva dentro de campo mas nós também vamos ter uma equipe muito competitiva em busca do nosso objetivo que é chegar na semifinal - comentou o treinador. 

Na fase de grupos, o Náutico terminou na quarta posição do Grupo B. Foram 15 pontos conquistados, com quatro vitórias, três empates e apenas uma derrota - que aconteceu na estreia da Copa do Nordeste contra o Fortaleza. Como visitante, foram dois triunfos e dois empates. 

Santa Cruz também busca o segundo título e CRB quer ser campeão inédito

Além do Vozão, quem também já teve o gostinho de levantar a taça do Nordestão foi o Santa Cruz. A equipe pernambucana foi campeã em 2016, superando o Campinense na decisão. Junto de Ceará e Vitória, o Santa é o time que mais chegou nas quartas de final desde 2013. Essa é a sexta vez do Tricolor do Arrudar na fase mata-mata. Nas outras cinco oportunidades, se classificou em três. O time comandado por Leston Junior terminou a fase de grupos na segunda posição do Grupo A, com 12 pontos conquistados. 

O adversário de logo mais, o CRB, também costuma aparecer com frequência nessa fase da Copa do Nordeste. Essa será a quarta vez que o time alagoano disputa as quartas de final nas últimas sete edições. No entanto, o Galo nunca avançou para a semifinal neste atual formato. Quando ainda não era disputada de forma regular, o CRB foi vice-campeão em 1994. Na ocasião, foi superado por outro time pernambucano: o Sport. Na fase de grupos, o Alvirrubro terminou na terceira posição do Grupo A com nove pontos. ​

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro