Botafogo-PB e Fortaleza fazem a finalíssima da Copa do Nordeste 2019

Botafogo-PB e Fortaleza fazem a finalíssima da Copa do Nordeste 2019

Belo e Leão medem forças às 20h (de Brasília) no Almeidão por inédito título do Nordestão. Tricolor tem vantagem por empate por conta da ida. Veja mais detalhes

Fortaleza vence o Botafogo-PB pelo jogo de ida da Copa do Nordeste Fortaleza vence o Botafogo-PB pelo jogo de ida da Copa do Nordeste
Créditos: Pedro Chaves / Federação Cearense de Futebol

Chegou o dia da grande decisão da Copa do Nordeste 2019. Botafogo-PB e Fortaleza-CE disputam a finalíssima na noite desta quarta-feira (29), às 20h (de Brasília), no Almeidão, em João Pessoa (PB). Na briga pelo título, que será inédito para qualquer um dos envolvidos, o Leão tem vantagem. Venceu a ida por 1 a 0, no Castelão, e pode empatar logo mais para ficar com a taça. O Belo, que terá o apoio do torcedor alvinegro em bom número na arquibancada, precisa vencer por pelo menos um gol de diferença para levar a decisão para os pênaltis. 

O Botafogo pode seguir sem o seu grande nome da campanha. Artilheiro da equipe na Copa do Nordeste, com cinco gols, Marcos Aurélio não jogou a ida por suspensão pelo terceiro cartão amarelo e é dúvida para a volta. O atleta está com dores na coxa direita e, caso não consiga se recuperar para o decisivo duelo, Enercino pode ficar com a vaga. Outro possível problema para o técnico Evaristo Piza é Juninho. O meia também sentiu um incômodo na coxa e deixou o último duelo da equipe, diante do Imperatriz, pela Série C do Campeonato Brasileiro, ainda no primeiro tempo.  Na saída do gramado para o vestiário, no entanto, o jogador mostrou confiança na recuperação para a finalíssima. 

Pelo lado do Fortaleza, Rogério Ceni também tem problemas para escalar o time. Edinho, peça importante no ataque da equipe, tem dores no músculo adutor da coxa esquerda e dificilmente terá condições de entrar em campo. Por isso, a tendência é que o ataque do Leão seja formado com Romarinho, Marcinho, Wellington Paulista e Osvaldo. Paulo Roberto, com um desconforto na parte posterior da coxa, e o autor do gol na ida, Wellington Paulista, com um incômodo na panturrilha, são dúvidas para o confronto e devem ter as respectivas escalações definidas momentos antes de a bola rolar. 

A expectativa de público para a decisão é de 20 mil pessoas, o que lotaria o Estádio Almeidão. Mais de 11 mil ingressos já foram vendidos antecipadamente. Não há mais entradas disponíveis para a torcida visitante. Os tricolores compraram todos os bilhetes destinados ao clube em menos de duas horas de comercialização. 

O árbitro da partida será o potiguar Caio Max Vieira. Os assistentes dele também são do Rio Grande do Norte: Jean Marcio dos Santos e Vinicius Melo de Lima. O árbitro de vídeo, que será utilizado pela primeira vez no Almeidão, será Heber Roberto Lopes. O paranaense terá Elmo Resende Cunha como árbitro assistente de vídeo 1 e Flávio Gomes Barroca como árbitro assistente de vídeo 2.

A Polícia Militar de João Pessoa montou um forte esquema de segurança para garantir a tranquilidade no confronto. A ação envolve 330 policias, além de 25 viaturas atuando em rondas fora do Almeidão, com o apoio de cães e da cavalaria no monitoramento dos torcedores nas imediações do estádio. Rondas motorizadas também vão intensificar a segurança externa da decisão, especialmente nos pontos de desembarque dos ônibus coletivos e no estacionamento.

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro Nike Itaú VIVO Guaraná Antártica Mastercard GOL CIMED Semp TCL FIAT 3 Corações Techno GYM STAT Sports