Técnico Menta diz que título da Copa do Brasil Sub-17 valoriza os trabalhos na base do São Paulo

Técnico Menta diz que título da Copa do Brasil Sub-17 valoriza os trabalhos na base do São Paulo

Preleção no intervalo inflou os ânimos da equipe paulista que lutou pelo resultado.

Final da Copa do Brasil Sub-17: Fluminense x São Paulo Final da Copa do Brasil Sub-17: Fluminense x São Paulo
Créditos: Gilvan de Souza/CBF

O São Paulo virou em cima do Fluminense por 2 a 1 e conquistou o título da Copa do Brasil Sub-17 2020. A decisão aconteceu no estádio Luso-Brasileiro, no Rio de Janeiro (RJ), nesta sexta-feira (29), e recompensou o trabalho realizado pelo técnico Menta na base do Tricolor Paulista.

O comandante atuou como zagueiro do São Paulo na década de 1990. Hoje, ele conduz a área técnica formadora de talentos da Cotia e ressalta que o mais importante em uma competição é o caráter revelador de joias e que os títulos apenas compensam o esforço dos meninos em campo.

“É bom para a vida do time e do clube os títulos e conquistas. Mostram que eles conseguem passar por mais uma etapa. Acredito que, na base, o título é consequência de bons trabalhos. A gente não trabalha única e exclusivamente pelo título e, sim, para a formação. E acreditamos que o atleta bem formado vai disputar títulos, vai ganhar alguns, outros não. O mais importante para a gente é esse foco na formação, mas formar campeões é melhor ainda”, declarou Menta.

Final da Copa do Brasil Sub-17: Fluminense x São Paulo Final da Copa do Brasil Sub-17: Fluminense x São Paulo
Créditos: Gilvan de Souza/CBF

O duelo de Tricolores foi truncado e o Fluminense abriu o placar aos cinco minutos da primeira etapa. A equipe de Menta sentiu o golpe e errou inúmeros passes que fizeram a equipe ir para o intervalo com a confiança abalada. Mas a preleção do comandante reanimou os ânimos dos jogadores que buscaram o resultado e, agora, retornam para Cotia com a taça.

“A gente prepara o atleta para ser profissional e eles precisam passar por essa pressão e lidar com esse sentimento. Eu comentei com eles no vestiário que esse era mais um jogo na vida deles e falei para encarar como um jogo natural e fazer o que eles sabem. Obviamente, são meninos e eles sentem. Alguns jogam abaixo, não conseguem manter a qualidade de jogo, mas eu acredito que seja uma naturalidade e sequência na vida deles. Não tem nada especial para se fazer além de dar sequência em tudo que se vem fazendo na formação desses atletas. O Fluminense é uma equipe muito qualificada e isso dignifica muito mais esse título, porque é um adversário difícil. Fizemos um primeiro tempo abaixo e no segundo tempo controlamos o jogo bem, equilibramos mais o jogo, criamos muitas chances e conseguimos a vitória”, finalizou.

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro NIKE GUARANÁ ANTÁRTICA VIVO ITAÚ MASTERCARD GOL CIMED SEMP TCL FIAT PAGUE MENOS 3 CORAÇÕES TECHNOGYM STAT SPORTS