Flamengo e Athletico-PR abrem vantagem na Copa do Brasil Sub-17

Flamengo e Athletico-PR abrem vantagem na Copa do Brasil Sub-17

Cariocas golearam o Maranhão por 8 a 0, enquanto o Furacão bateu o Ceará por 6 a 1. Equipes voltam a se enfrentar na próxima quinta-feira

Flamengo goleou o Maranhão por 8 a 0 e abriu grande vantagem nas oitavas da Copa do Brasil Sub-17 Flamengo goleou o Maranhão por 8 a 0 e abriu grande vantagem nas oitavas da Copa do Brasil Sub-17
Créditos: Marcelo Cortes/Flamengo

Rubro-Negros em vantagem na Copa do Brasil Sub-17! Pelo jogo de ida das oitavas de final, o Flamengo goleou o Maranhão por 8 a 0, no Rio de Janeiro. Enquanto, em Curitiba, o Athletico-PR bateu o Ceará por 6 a 1, na tarde desta quinta-feira (3). As equipes voltam a se enfrentar no próximo dia 10. Veja como foi:

+Confira a tabela completa das oitavas de final Copa do Brasil Sub-17!

Flamengo 8 x 0 Maranhão-MA

Jogando na Gávea, o Flamengo tomou conta do primeiro tempo da partida. Logo aos cinco minutos, Cleiton aproveitou cobrança de escanteio para fazer 1 a 0. O segundo veio na sequência com o Petterson. Após boa jogada de Wiverson pela esquerda, o camisa 9 tentou duas vezes. A primeira parou no goleiro Dida, já na segunda não teve jeito: 2 a 0 para os cariocas. Já aos 44, Werton anotou mais um para o time da casa. E no último lance antes do intervalo, Fabrício Yan também deixou o dele: 4 a 0. 

Na etapa complementar, o Rubro-Negro manteve o domínio do jogo. Aos 17, Pedro levantou a bola na área e Rodriguinho apareceu para estufar as redes. Três minutos depois, Petterson recebeu pelo meio, invadiu a área, driblou o goleiro e bateu rasteiro para fazer mais um na partida. Aos 27, foi a vez de Werton marcar o segundo dele na partida em belo lance individual: 7 a 0. O camisa 11 da equipe carioca voltou a deixar sua marca, aos 43 minutos, e deu números finais ao confronto. 

Athletico-PR 6 x 1 Ceará

Em Curitiba, o Ceará largou na frente com gol de pênalti de Davi Castro, aos 11 minutos. Buscando a reação em casa, o Furacão respondeu na mesma moeda. Com a bola na marca da cal, Leo Costa, aos 31, deixou tudo igual. Depois das conversas nos vestiários, o time da casa voltou melhor para o segundo tempo. E, aos dez, Tallison recebeu lançamento, invadiu a área, tirou o goleiro da jogada e anotou um golaço para virar o jogo. E o camisa 11 rubro-negro queria mais e fez, aos 12 e aos 17 minutos. Hat-trick pra ele e 4 a 1 para o Athletico. Já na marca dos 25, foi a vez de Juninho deixar sua marca em chute colocado. Enquanto, nos acréscimos, Leonardo de cabeça, fechou a conta para o Furacão.

 

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro NIKE GUARANÁ ANTÁRTICA VIVO ITAÚ MASTERCARD GOL CIMED SEMP TCL FIAT PAGUE MENOS 3 CORAÇÕES TECHNOGYM STAT SPORTS