Flamengo, campeão da Copa do Brasil de 1990

Assim como o Grêmio na primeira edição, Rubro-Negro Carioca alcançou o título inédito sem perder. Ao todo foram seis vitórias e quatro empates. Relembre!

Júnior liderou o Flamengo na Copa do Brasil de 1990

Créditos: site oficial do Flamengo

Assim como o Grêmio em 1989, o Flamengo também conquistou o título da Copa do Brasil de forma invicta. Na segunda edição do torneio nacional, em 1990, o Rubro-negro se sagrou campeão com seis vitórias e quatro empates. O ataque carioca terminou a competição como o mais positivo. Ao todo, foram 20 gols marcados, uma média de dois por jogo. O atacante Gaúcho liderou as estatísticas do clube no quesito artilharia com quatro bolas na rede, três a menos que Bizu, do Náutico. 

O Flamengo iniciou a caminhada com duas goleadas para cima da Capelense/AL. Na sequência, o Rubro-negro superou o Taguatinga com vitória por 2 a 0 na ida e o empate em 1 a 1 na volta. Contra o Bahia, após empatar em 1 a 1 fora de casa, o time carioca avançou ao vencer o duelo decisivo por 1 a 0. Na semifinal, o Flamengo bateu o Náutico no Maracanã por 3 a 0 e ficou com a vaga após o empate em 2 a 2 nos Aflitos. Na final, após a vitória por 1 a 0 em Juiz de fora, os cariocas seguram o empate sem gols diante de 45.504 torcedores pagantes no Serra Dourada e ficaram com o título.

Relembre a trajetória do campeão:

PRIMEIRA FASE

21 de junho - Flamengo 5 x 1 Capelense/AL - em Moça Bonita
5 de julho - Capelense 0 x 4 Flamengo - Rei Pelé

OITAVAS DE FINAL

10 de julho - Flamengo 2 x 0 Taguatinga/DF - Gávea
15 de julho - Taguatinga 1 x 1 Flamengo - Serejão

QUARTAS DE FINAL

25 de julho - Bahia 1 x 1 Flamengo - J. Princesa
28 de julho - Flamengo 1 x 0 Bahia - Juiz de Fora

SEMIFINAL

13 de setembro - Flamengo 3 x 0 Náutico - Maracanã
16 de outubro - Náutico 2 x 2 Flamengo - Aflitos

FINAL
1º de novembro - Flamengo 1 x 0 Goiás - Juiz de Fora
7 de novembro - Goiás 0 x 0 Flamengo - Serra Dourada

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro