Em casa, Vagner Love quer Corinthians inteligente contra o Flamengo

Em casa, Vagner Love quer Corinthians inteligente contra o Flamengo

Importante em confrontos de mata-mata, atacante corintiano lembrou que o confronto tem 180 minutos e não precisa ser decidido de qualquer maneira

Vagner Love foi campeão brasileiro com o Corinthians

Créditos: Marcello Zambrana/AGIF

O placar mostrava 1 a 1 na Arena Corinthians. Era a final do Campeonato Paulista e o Corinthians se encaminhava para a disputa por pênaltis com o São Paulo. Até que Vagner Love intercedeu pelo Alvinegro. Após lançamento de Sornoza, bateu de perna direita e estufou a rede do Tricolor. Gol de Love e fim de papo: Corinthians tricampeão paulista. Essa não foi a primeira vez que ele decidiu um jogo importante pelo Timão. É com esse espírito que Love se prepara para o confronto desta quarta-feira, contra o Flamengo, pela Copa do Brasil.

Afeito a esse tipo de partida, o goleador se sente em casa nos mata-matas. Nessas horas, a experiência dos mais de 15 anos de carreira ajuda, e fala mais alto na hora de traçar uma estratégia. E a palavra chave para Love é: inteligência.

A gente tem que ser inteligente para jogar. Não podemos querer resolver tudo de qualquer maneira. Começamos em casa, temos que nos manter concentrado. Dentro de campo, temos que manter a tranquilidade. É lógico que temos que ser agressivos e jogar para vencer. Mas não sair como loucos para não ser surpreendidos, porque a gente sabe da qualidade do adversário - analisou.

 

"Eu gosto desse tipo de jogo"

 

Vagner Love não estava presente no encontro entre Flamengo e Corinthians pela Copa do Brasil no ano passado. Na época, o atacante estava no futebol turco, e viu de longe a vitória do Timão sobre o Fla. Mas essa não é a primeira vez que ele participa de um duelo de mata-mata entre as duas equipes.

Em 2010, Love estava no Flamengo e foi decisivo na eliminação do Corinthians nas oitavas de final da Libertadores. Foi dele o gol da classificação rubro-negra no Pacaembu. Hoje do outro lado, o atacante reconheceu o tamanho do confronto entre as duas equipes.

- Eu gosto desse tipo de jogo, é mata-mata, e nessa partida são duas grandes equipes, as maiores torcidas do Brasil. Tenho certeza que quem errar menos e estiver mais tranquilo e concentrado vai vencer o jogo - ressaltou.

Campeão brasileiro com o Corinthians em 2015, Vagner Love deixou o clube no começo da temporada seguinte. De volta três anos depois, no entanto, o atacante se sentiu rapidamente acolhido. Para ele, o Corinthians virou uma segunda família, uma segunda casa. E é por isso que jogar pelo Alvinegro do Parque São Jorge faz tão bem a ele.

- Eu sinto como se eu tivesse ficado aqui nesses últimos três anos. É muito prazeroso se sentir em casa, em um ambiente familiar. E é isso que o Corinthians é para mim hoje. A torcida tem um papel fundamental, teve na minha volta. Fico muito feliz de ter esse carinho do torcedor e conseguir retribuir de alguma forma - finalizou.

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro Mastercard GOL CIMED SEM TCL FIAT English Live Ultrafarma Technogym Statsports