Juan se destaca e Tombense faz partida histórica

Juan se destaca e Tombense faz partida histórica

Tombense contou com atuação de destaque do meia Juan e venceu pela primeira vez na Copa do Brasil, eliminando o Sport por 3 a 0

Na última quarta-feira (13), o Tombense fez história ao vencer o Sport por 3 a 0 e se classificar à segunda fase da Copa do Brasil. Um dos heróis da partida foi o meia Juan, que participou de todas as jogadas decisivas e abriu o placar para o time mineiro, aproveitando rebote de Everton. Lateral-esquerdo de origem, o camisa 10, com o tempo, ficou mais concentrado no meio de campo. Para ele, outro jogador que fez a diferença com esse mesmo tipo de transição foi Felipe.
 
Ex-jogador de Flamengo e Vasco, o Maestro começou a carreira como lateral, posição em que brilhou pelo Cruzmaltino. Com o passar do tempo, foi avançando dentro de campo, e chegou a atuar até mesmo como ponta direita do Fla, em 2004. Em seu retorno ao Vasco, em 2010, atuou mais pela faixa central do campo, ajudando na articulação das jogadas.
 
​- Temos aqui no Brasil bons laterais que foram para o meio e que deram certo, mas o que eu vi jogar e que se destacou foi o Felipe. Já era um craque na lateral e quando foi para o meio conseguiu ser ainda mais decisivo com todo seu potencial e qualidade - afirma Juan.
 
Com um início do segundo tempo menos organizado e mais pressionado, Sport sentiu na pele o velho ditado de "quem não faz, leva". Mesmo substituindo o Brocador por Elton, o Tombense se aproximou e marcou mais um aos 25 e, de novo, com participação de Juan. O meia fez uma bela jogada pela esquerda, cruzou e Denilson marcou. No fim do jogo, quando a partida já estava praticamente definida, ainda sobrou tempo para Marquinhos matar o duelo nos acréscimos. Vitória incontestável do Tombense.​​ Além dessas participações efetivas, o camisa 10 foi fundamental para segurar a bola quando os pernambucanos pressionavam. 
 
Durante a partida, o Sport ainda teve duas chances de empatar antes do intervalo, mas o goleiro Felipe levou a melhor sobre Guilherme e Charles. Apesar da atuação de destaque, o ex-lateral afirma que a classificação só foi possível com o trabalho em conjunto do time.
 
- Graças a Deus foi uma atuação que eu pude participar dos momentos decisivos e as jogadas acabaram resultando em gols. E isso acaba sendo bastante marcante. Mas acho que o time como um todo fez uma grande partida, resultando na classificação com um belo placar. É uma grande responsabilidade ser o 10 de um grupo tão qualificado. Ontem a gente demonstrou a nossa qualidade e até onde podemos chegar. Eu me sinto muito orgulhoso de fazer parte desse elenco e de poder contribuir de alguma maneira. - disse Juan.
 
Com o resultado, o Gavião Carcará enfrentará o Botafogo-PB na segunda fase da Copa do Brasil. Para Juan, o jogo será duro, mas confia na qualidade da equipe e espera que o time continue focado e com um único objetivo em comum: fazer uma grande partida.

 

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro Nike Itaú VIVO Guaraná Antártica Mastercard GOL CIMED Semp TCL FIAT 3 Corações Techno GYM STAT Sports