Programa Gramados incluiu iluminação dos estádios

Programa Gramados incluiu iluminação dos estádios

Além de atuar no gramado de 71 estádios, CBF fará diagnóstico da iluminação de 54 destes, oferecendo consultoria para atingir a luminosidade de 2.500 lux

É Bom Saber!

Créditos: CBF

A Diretoria de Competições da CBF está realizando a segunda edição do Programa Gramados. Em 2016, foram padronizados 43 palcos das séries A e B do Campeonato Brasileiro, nas medidas oficiais da FIFA: 105 metros de comprimento por 68 de largura.

Desta vez, além de atuar nos gramados da Série C, totalizando 71 estádios, a CBF vai fazer um diagnóstico geral da iluminação de 54 destes, entregando projetos para atingir a luminosidade de 2.500 lux. Os locais que receberam jogos da Copa do Mundo de 2014 não estão incluídos nessa parte luminotécnica porque já alcançam os níveis desejados.

O levantamento do situação nos estádios será feito entre fevereiro e abril. Os relatórios com o panorama das dimensões e da iluminação estarão prontos em maio. Os gestores dos estádios – clubes e entidade governamentais – receberão os documentos e terão o apoio técnico para as mudanças necessárias.

Outra novidade de 2017 é o raio-x da qualidade do gramado das séries A, B e C, com análise da qualidade do solo. A engenheira agrônoma Maristela Kuhn vai monitorar e passar as recomendações para manejo, manutenção e melhoria da grama.

Para viabilizar o diagnóstico, a consultoria e os ajustes nos gramados, a CBF está investindo R$ 1.068.000,00. A compra e instalação dos LEDs para a nova iluminação ficam a critério do gestor do estádio. De acordo com o diretor de Competições da CBF, Manoel Flores, o programa mostrará aos clubes que as alterações vão proporcionar uma economia impressionante.

– Vamos dar o suporte necessário. É importante ressaltar que os clubes contarão com todo o nosso apoio e consultoria, mas o investimento nos equipamentos fica dentro da possibilidade de cada um. A economia de energia chega a 80%, gerando um benefício muito interessante. É um investimento em qualidade que se paga em médio prazo – explicou Manoel.

Futuramente, a iluminação com nível de 2.500 lux deve ser uma das exigências listadas no Regulamento de Licença de Clubes e passar a ser item obrigatório para a disputa dos campeonatos organizadas pela CBF. A Diretoria de Competições está oferecendo condições para o planejamento estratégico dos clubes.

VANTAGENS PREVISTAS PELO PROJETO DE ILUMINAÇÃO

Atendimento às normas técnicas brasileiras.
Anotação de responsabilidade técnica.
Melhor relação custo x benefício.
Sugestão de alteração de equipamentos para LED.
Redução nos custos de manutenção do sistema de iluminação.
Economia de energia de até 80%.
Sustentabilidade e respeito ao meio ambiente.
Reacendimento instantâneo em caso de falta de energia.
Vida útil de 50 mil horas (mais de 10x superior às lâmpadas de multivapores metálicos de alto fluxo.
Proteção que possibilita limpeza das luminárias por jato de água.
Possibilidade de alimentação de alguns projetores com gerador para iluminação de emergência.
Estimativa de orçamento para execução do projeto com prazo para realização das obras.

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro NikeItaúVIVOGuaraná AntárticaMastercardGOLGrupo CIMEDSEMP TCLFIATUltrafarmaEnglish LiveTechnogymStatsports3 Corações