Palmeiras vence, aproveita derrota do Flamengo e assume liderança

Palmeiras vence, aproveita derrota do Flamengo e assume liderança

Sete partidas abriram a 12ª rodada do Campeonato Brasileiro Sub-20 na tarde desta quarta-feira (28)

Palmeiras vence, aproveita derrota do Flamengo e assume liderança do Brasileirão Sub-20

Palmeiras vence, aproveita derrota do Flamengo e assume liderança do Brasileirão Sub-20

Créditos: Divulgação/Palmeiras

Atlético-MG goleou o Santos em casa, em jogo válido pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro Sub-20

Atlético-MG goleou o Santos em casa, em jogo válido pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro Sub-20

Créditos: Divulgação/Atlético-MG

Brasileiro Sub-20: Botafogo x São Paulo

Brasileiro Sub-20: Botafogo x São Paulo

Créditos: Thais Magalhães/CBF

Brasileiro Sub-20: Botafogo x São Paulo

Brasileiro Sub-20: Botafogo x São Paulo

Créditos: Thais Magalhães/CBF

Brasileiro Sub-20: Botafogo x São Paulo

Brasileiro Sub-20: Botafogo x São Paulo

Créditos: Thais Magalhães/CBF

O Campeonato Brasileiro Sub-20 tem um novo líder. Sete partidas foram disputadas na tarde desta quarta-feira (28), pela 12ª rodada do torneio, e o Palmeiras assumiu o topo da tabela de classificação após derrotar a Ponte Preta, de virada, pelo placar de 2 a 1. O Flamengo foi derrotado em casa para o Cruzeiro e caiu para a segunda colocação. 

Nesta quinta (29), o Coritiba recebe o Grêmio, e o Fluminense vai enfrentar o Bahia. Vasco e Chapecoense, no Rio de Janeiro, encerram a rodada no próximo domingo (1). 

+ Confira a tabela completa do Campeonato Brasileiro Sub-20 

Palmeiras 2 x 1 Ponte Preta 

Jogando em casa e brigando pela liderança do Campeonato Brasileiro Sub-20, o Palmeiras viu a Ponte Preta sair na frente no placar logo aos 20 minutos do primeiro tempo. Em um ótimo contra-ataque, o Tavison recebeu no meio-campo e arrancou até a entrada da área, batendo no cantinho direito do goleiro alviverde. 1 a 0 para a Macaca. Mesmo com boas chances criadas pelo Verdão, o placar persistiu até o intervalo. Na volta dos vestiários, no entanto, não demorou muito para o Palmeiras deixar tudo igual. Aos 18, Alan aproveitou bate-rebate dentro da área e, da marca do pênalti, finalizou para o fundo das redes. A virada veio aos 33 minutos, com Angulo. O camisa 7 recebeu passe na meia-lua e mandou uma bomba, que foi morrer no fundo do gol: 2 a 1 para os donos da casa. O Palmeiras chegou aos 29 pontos e assumiu a liderança do Brasileirão Sub-20. A Ponte Preta, com cinco pontos, amarga a lanterna da competição. 

Flamengo 0 x 1 Cruzeiro 

O Flamengo começou a rodada na liderança do Brasileirão Sub-20 e recebeu o Cruzeiro, em Volta Redonda (RJ). Jogando em casa, o Rubro-Negro foi quem criou a primeira oportunidade clara de gol, com Wendel. O jogador recebeu a bola após boa jogada de Yuri César, mas finalizou por cima do gol celeste. Aos 23, na primeira grande oportunidade do Cruzeiro, Guilherme Liberato abriu o marcador. Depois de cobrança de falta dentro da área, o jogador recebeu de César e mandou para o fundo das redes. O Flamengo continuou levando mais perigo à meta defendida por Vinícius e, aos 35, Nathan carimbou a trave. No segundo tempo, os cariocas mantiveram a pressão em cima da Raposa, mas a equipe de Belo Horizonte conseguiu se segurar bem e manteve a vantagem de um gol até o apito final. Com a vitória, o Cruzeiro foi aos 21 pontos e está na sétima colocação. O Flamengo, por sua vez, permaneceu com 27 e perdeu a liderança para o Palmeiras. O Rubro-Negro está agora na segunda posição. 

Botafogo 1 x 4 São Paulo 

Mesmo jogando fora de casa, o São Paulo começou a partida de forma avassaladora. Já aos sete minutos de jogo, Fabinho recebeu bola de Rodrigo Nestor e não perdoou, abrindo o placar em Niterói (RJ). Pouco tempo depois, o camisa 7 pegou a sobra dentro da área e mandou no canto do goleiro Andrew. Aos 21, Galeano recuperou a bola e foi derrubado dentro da área. Na cobrança do pênalti, Morato fez o terceiro dos visitantes, abrindo grande vantagem antes da metade do primeiro tempo. Na metade final, o Tricolor voltou melhor e logo ampliou. Galeano aproveitou o rebote do goleiro, dominou e mandou no ângulo. Dois minutos depois, o Botafogo até diminuiu, com Maxuel. O camisa 20 aproveitou cruzamento, subiu mais alto do que a zaga são-paulina e marcou o gol de hora dos cariocas. Com a vitória, o São Paulo chegou aos 17 pontos e está na oitava colocação. O Botafogo, por sua vez, permaneceu com 12 pontos, ocupando a 13ª posição. 

Corinthians 1 x 2 Sport 

O Sport foi até o Parque São Jorge, em São Paulo, para enfrentar o Corinthians. E o Leão, mesmo jogando fora de casa, foi para cima e inaugurou o marcador logo aos cinco minutos de jogo. Mikael aproveitou cobrança de falta, apareceu livre na entrada da pequena área e empurrou para o fundo das redes. Em desvantagem no placar, o Corinthians passou a pressionar, e o resultado veio já nos acréscimos, aos 48. Depois de cobrança de escanteio, Felipe aproveitou o bate-rebate e finalizou com força, deixando tudo igual no fim do primeiro tempo. Na etapa final, o Corinthians criou mais chances de gol, mas foi o Sport que voltou a estufar as redes. Pablo, em cobrança de falta do lado da área, aproveitou o mau posicionamento do goleiro alvinegro e mandou direto para o gol, colocando os pernambucanos novamente em vantagem. Com o resultado, o Sport chegou a sua terceira vitória no campeonato, indo aos 13 pontos conquistados, subindo para a 12ª posição. O Corinthians, com 25 pontos, está em terceiro. 

Internacional 3 x 4 Athletico-PR 

Internacional e Athletico-PR fizeram o jogo mais movimentado da tarde. O Colorado, jogando em casa, logo abriu uma boa vantagem. Cesinha, aos 21, e Leonardo, aos 29, ambos de cabeça, fizeram 2 a 0. Aos 32, Vinicius Mingotti diminuiu para o Furacão depois de um perde-ganha dentro da área. No segundo tempo, aos 11, Cesinha aproveitou cruzamento da direita e voltou abrir dois gols de diferença para o Inter. Mas, a partir daí, veio a reação do Rubro-Negro. Aos 19, Mingotti voltou a balançar as redes, dessa vez de pênalti. Aos 22, Jajá fez grande jogada pela direita, invadiu a área e marcou um golaço. Tudo igual em Alvorada (RS). Quando jogo já se encaminhava para terminar empatado, Jajá recebeu cruzamento da esquerda, apareceu sozinho dentro da área do Inter e garantiu a vitória do Athletico-PR aos 47 minutos. O Furacão foi a 16 pontos, subindo para a nona posição. O Colorado, com 11, ocupa a 14ª colocação. 

Atlético-MG 4 x 0 Santos 

Jogando fora de casa, o Santos sofreu a sua segunda goleada consecutiva no Campeonato Brasileiro Sub-20. Depois de ser derrotado por 3 a 0, em casa, para o Vasco na rodada passada, o time da Vila Belmiro foi até Minas Gerais enfrentar o Atlético-MG. Em seus domínios, o Galo não deu chances para o Alvinegro Praiano. No primeiro tempo, Marquinhos marcou e deixou os mineiros em boa vantagem. Mas na etapa final, o Atlético-MG deslanchou e marcou mais três vezes. Guilherme Castilho, Bruno Silva e Mateus Santos garantiram a vitória do Galo. Com o triunfo, o Atlético-MG chegou aos 24 pontos conquistados e está na quinta colocação. O Santos, que perdeu pela terceira vez seguida, está na 16ª posição, com 10 pontos. 

Vitória 1 x 2 América-MG 

Atuando no estádio Manoel Barradas, o Vitória e América-MG começaram a partida lá e cá, com ambas as equipes tendo chances de abrirem o placar. Mas foram os donos da casa que marcaram primeiro. Aos 24 minutos, Edson Junior aproveitou falta cobrada na área e, de cabeça, mandou para o fundo das redes. O goleiro do Coelho chegou a tocar na bola, mas não conseguiu desviar: 1 a 0. A vantagem perdurou até o minuto 42, quando o Thalys fez ótima jogada pela direita e cruzou na medida para Guilherme, também de cabeça, deixar tudo igual em Salvador. Na etapa derradeira, o jogo continuou bem disputado. Aos 34, o América-MG conseguiu a virada no marcador. Em jogada de contra-ataque, Guilherme Henrique deixou Gustavo na cara do gol. O Jogador tocou na saída do goleiro, garantindo a vitória para os mineiros. Com o triunfo, o Coelho foi aos 25 pontos e assumiu a quarta posição na tabela. O Vitória, com 10, está na 17ª colocação. 

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro