Flamengo, Palmeiras, Athletico-PR e Red Bull Bragantino triunfam pelo Brasileiro Sub-20

Flamengo, Palmeiras, Athletico-PR e Red Bull Bragantino triunfam pelo Brasileiro Sub-20

No outro jogo do dia, Fluminense e Chapecoense ficaram no 1 a 1. Confira os detalhes das partidas

Flamengo venceu o Ceará e se garantiu no mata-mata do Brasileiro Sub-20 Flamengo venceu o Ceará e se garantiu no mata-mata do Brasileiro Sub-20
Créditos: Alexandre Vidal/Flamengo

Mais cinco jogos movimentaram a oitava e penúltima rodada da primeira fase do Brasileiro Sub-20 durante este sábado (30). Com destaque para os triunfos de Flamengo, Palmeiras, Athletico-PR e Red Bull Bragantino. O Rubro-Negro carioca e o Verdão já estão garantidos no mata-mata, enquanto o Furacão e o Massa Bruta seguem firmes na briga pela vaga. Veja como foi:

Grupo A

Flamengo 2 x 0 Ceará 
O Rubro-Negro entrou em campo querendo a vitória para carimbar a classificação para o mata-mata. Missão dada e cumprida pelos garotos do Ninho. Jogando no estádio da Gávea, o Fla largou na frente logo aos oito minutos de jogo com Mateusão, que recebeu belo lançamento de Zé Welinton e finalizou com categoria para o fundo das redes. Depois do intervalo, o time da casa voltou a balançar as redes nos primeiros minutos do segundo tempo, com Werton, aos 12. 

Com o triunfo, o Flamengo chegou aos 17 pontos e não pode mais ser alcançado pelos times que estão fora do G-4. Já o Vozão é o sexto colocado, com nove pontos e não tem mais chances de avançar. 

Bahia 0 x 5 Palmeiras
Classificado para o mata-mata, o Verdão venceu mais uma e se manteve no topo do grupo, agora com 18 pontos somados. Em Camacari (BA), a equipe paulista começou a construir o resultado na marca dos 19 minutos do primeiro tempo, com gol de Henri. Ainda antes do intervalo, Ruan, aos 40, e Jow Jow, aos 42, ampliaram a vantagem alviverde. Já na etapa complementar, novamente Ruan, logo aos quatro minutos, e Kevin, aos 29, fecharam a conta para o Palmeiras. Com a derrota, o Bahia segue na lanterna, com apenas três pontos. 

+Confira o complemento da rodada!

Grupo B

Santos 2 x 3 Athletico-PR
Em confronto direto na briga pela classificação, o Furacão levou a melhor e vai voltar para Curitiba com mais três pontos. A equipe visitante largou na frente aos 28 minutos do primeiro tempo, depois de uma saída errada do Peixe, Renan Viana recebeu no meio da área e não perdoou. Ainda antes do intervalo, o camisa 9 rubro-negro voltou a balançar as redes ampliando a vantagem parananese, aos 39. Após as conversas nos vestiários, Miguel, aos 14 minutos, diminuiu para o Santos. Pouco mais de dez minutos depois, Kawan, de pênalti, fez 3 a 1 para o Athletico. Também com a bola na marca da cal Miguel anotou mais um para o time da casa e deu números finais ao duelo. 

A vitória fora de casa deixa o Furacão com 16 pontos e momentaneamente na liderança do grupo. Já o Santos é o quarto colocado, com 13 pontos. 

Red Bull Bragantino 3 x 0 Grêmio 
As equipes entraram em campo buscando a sobrevivência na competição. Tentando fazer valer o mando de campo, o Bragantino foi mais perigoso no início do confronto e teve boas chances com Kauan Martins e Talisson. Depois dos 25 minutos, foi a vez do Tricolor aparecer mais no ataque, principalmente em jogadas de Ronald Barcellos. Se o 0 a 0 prevaleceu nos primeiros 45 minutos, no segundo tempo a história foi diferente. Retomando o controle das ações, os mandantes abriram a contagem, logo aos cinco, em cobrança de pênalti de Gustavo Neves. Dez minutos depois, o meia do Massa Bruta teve mais uma oportunidade e novamente não perdoou. Sem tirar o pé do acelerador, o Bragantino seguiu pressionando e, aos 28, Marquinhos recebeu ótimo lançamento de Kauã Alves e fechou a contagem no Nabi Abi Chedid: 3 a 0. 

Feito o dever de casa, o Massa Bruta soma agora 11 pontos e vai para última rodada com chances de classificação. Enquanto com a derrota, o Tricolor segue com nove pontos e está fora da segunda fase. 

Fluminense 1 x 1 Chapecoense 
Cariocas e catarinense protagonizaram o único empate do dia. No Rio de Janeiro, Lucas Alves colocou a Chape em vantagem, aos 15 minutos de jogo. Enquanto, depois do intervalo, foi a vez do Tricolor balançar as redes com Luan Brito, aos 11 minutos. O resultado deixa o Fluminense com nove pontos e na sétima posição, a equipe carioca não tem mais chances de avançar para o mata-mata. Enquanto a Chapecoense aparece na lanterna do grupo, com três pontos. 

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro Nike Guaraná Antartica Vivo Itaú Neoenergia Mastercard Gol Cimed Pague Menos TCL SEMP TechnoGym StatSports Kin Analytics Globus Italian Excellence