Torcedor do Brusque promete tatuar troféu da Série D no braço em caso de título

Torcedor do Brusque promete tatuar troféu da Série D no braço em caso de título

Airton Raiser, mais conhecido como Tom, esteve ao lado do time em praticamente todos os jogos da Série D e promete gravar a conquista no braço

Final da Série D: membro da torcida organizada do Brusque-SC

Créditos: Thais Magalhães/CBF

Até aonde vai a paixão do torcedor brasileiro pelo seu time? Airton Raiser, mais conhecido como Tom, já viajou para tantas cidades do Brasil que ele já perdeu as contas de quantos quilômetros percorreu através do seu grande amor: o Brusque. Na Série D do Campeonato Brasileiro 2019, por exemplo, ele foi a todos os jogos da equipe em casa. Fora da cidade catarinense ele perdeu apenas um. A ida das Quartas de Final, diante do Juazeirense-BA. Mas por um motivo nobre: se fosse ao primeiro duelo, no interior da Bahia, não chegaria a tempo da volta, no Augusto Bauer. Com o Marreco na final da competição, a expectativa dele é enorme. Acostumado a não medir esforços pelo Quadricolor, o torcedor fez uma promessa para caso o título venha: eternizar a conquista na própria pele. 

Airton acompanhou o último treino da equipe antes do jogo de ida da final, neste sábado (10), e compartilhou um pouco da sua paixão pelo Brusque em entrevista ao site da CBF. Ele exibiu a tatuagem que tem com o escudo do clube no braço esquerdo e afirmou que vai desenhar o troféu da Série D no outro braço. 

– Aqui do outro lado vai ser a taça de campeão brasileiro da Série D, se Deus quiser! Vou gravar isso pelo resto da minha vida na minha pele. Como é o Brusque. É a minha maior paixão. Eu deixo o que for preciso para estar acompanhando o Brusque. Não tem algo maior. É uma paixão que começou quando era criança, acompanhando meu pai nos jogos, e estou nessa até hoje – declarou.

Airton já tem o escudo do Brusque no braço esquerdo e promete desenhar o símbolo da Série D no outro braço Airton já tem o escudo do Brusque no braço esquerdo e promete desenhar o símbolo da Série D no outro braço
Créditos: Thais Magalhães / CBF

Como não poderia ser diferente, Airton estará presente no Augusto Bauer neste domingo e também vai ao jogo da volta na cidade de Manaus (AM). A viagem não será fácil, mas ele volta a reforçar que o mais importante será voltar para casa com festa. 

– Já estamos com passagem comprada para Manaus, serão cerca de 12 horas até lá. Vamos em dez pessoas. Sairemos de Florianópolis de avião. Já reservamos hotel e sairemos daqui no sábado de manhã. Chegamos lá perto da meia noite e vamos para o hotel. No domingo vamos para o jogo e depois direto para o aeroporto, para pegar o avião novamente às 4h da manhã. Espero voltar para cá com o título, se Deus quiser! – acrescentou. 

Será que Airton fará a tatuagem ou o Manaus vai ficar com o título inédito? O primeiro capítulo da decisão começa a ser escrito neste domingo (10), às 16h (de Brasília), no Augusto Bauer, em Brusque (SC). E a cidade catarinense promete parar para dar força ao Marreco. 

PATROCINADORES

Futebol Brasileiro